Esporte

PM que matou surfista Ricardinho vai a júri popular em dezembro

Steve Robertson / EFE
Ricardinho foi morto em janeiro de 2015 Imagem: Steve Robertson / EFE

Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo

31/10/2016 17h57

O policial Luis Paulo Mota Brentano, responsável pela morte de Ricardo dos Santos, o Ricardinho, irá a júri popular no dia 15 de dezembro. A informação foi divulgada pela 1ª Vara Criminal de Palhoça.

No começo deste mês, os advogados de Luis Paulo chegaram a tentar uma suspensão do processo, tentando desqualificar as acusações. Mas, o requerimento foi negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Brentano é acusado de homicídio qualificado por motivo fútil e por ter impossibilitado a vítima de se defender.

Ricardinho foi morto pelo policial em janeiro de 2015. Os dois se desentenderam em frente à casa do surfista, na Guarda do Embaú, em Palhoça. Brentano estava de folga e confessou ser o autor de dois disparos contra o surfista, mas alegou legítima defesa.

O policial foi preso em Joinville depois de confessar o crime e foi expulso do 8º Batalhão da cidade.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo