Esporte

Após 10 perfeito nas quartas, Medina supera americano na semi e vai à final

WSL / KELLY CESTARI
Gabriel Medina tirou nota 10 perfeita Imagem: WSL / KELLY CESTARI

Do UOL, em São Paulo

13/08/2017 19h04

Gabriel Medina está na final da etapa de Teahupo’o, no Taiti, do Mundial de Surfe. O brasileiro avançou nas semifinais ao bater o americano Kolohe Andino por 15,16 contra 13,90 no somatório - o adversário na decisão será o australiano Julian Wilson, que venceu o sul-africano Jordy Smith na outra semifinal.

Faltando cerca de cinco minutos para o fim da bateria, Andino chegou a reclamar que Medina teria impedido que ele pegasse uma onda, o que poderia resultar em uma punição por interferência, quando a segunda melhor onda é retirada do somatório. Porém, os juízes não penalizaram o brasileiro.

Medina conquistou a vaga na semi depois de superar o australiano Owen Wright nas quartas de final com direito a uma nota 10 perfeita, quando todos os cinco juízes dão 10 para a onda.

O brasileiro costuma se dar bem no Taiti. Ele venceu a etapa em 2014, no ano em que se tornou campeão mundial, depois foi vice em Teahupo’o no ano seguinte e acabou eliminado na semifinal em 2016.

Veja a onda que garantiu nota 10 perfeita para Gabriel Medina nas quartas de final:

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo