Topo

Tênis

Djokovic vence Federer, é campeão em Cincinnati e faz história em Masters

Aaron Doster-USA TODAY Sports
Novak Djokovic em ação na final do Masters 1000 de Cincinnati Imagem: Aaron Doster-USA TODAY Sports

Do UOL, em São Paulo (SP)

19/08/2018 19h15

O sérvio Novak Djokovic faturou neste domingo (19) o título do Masters 1000 de Cincinnati ao bater na final o suíço Roger Federer, vice-líder do ranking mundial, por 2 sets a 0, com duplo 6-4, em 1h24 de partida, nos Estados Unidos.

A conquista é histórica. O torneio de Cincinnati era o único dessa graduação que o ex-número 1 do mundo ainda não havia vencido na carreira. Desta forma, Djokovic se torna o primeiro tenista a ser campeão nos nove Masters já disputados no calendário da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), formando o chamado Golden Masters.

Em ascensão no circuito e vindo de recente título em Wimbledon, até então a sua única conquista em 2018, Djokovic precisou de uma atuação quase impecável na recepção ao saque de Federer para triunfar na final.

No primeiro set, a igualdade entre os tenistas durou até o sétimo game, quando o sérvio, número 10 da lista da ATP, quebrou o serviço do adversário.

Federer emplacou uma quebra de saque logo no segundo game do set seguinte, mas levou o troco em seguida. No sétimo game, Djokovic superou a vantagem de saque do suíço e controlou a partida para se sagrar campeão em Cincinnati.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!