Topo

Esporte


Com novo uniforme, Bellucci reage mas é eliminado do Masters de Cincinnati

Do UOL Esporte

Em São Paulo*

17/08/2010 17h42

O brasileiro Thomaz Bellucci foi eliminado do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, nesta terça-feira ao perder a partida contra o cipriota Marcos Baghdatis, pela segunda rodada do evento, por 2 sets a 1, com parciais de 6-2, 4-6 e 7-6(7-4), após 2h07min.

BELLUCCI TROCA CAMISA DE PATROCÍNIO

  • Mesmo sem ter anunciado a definição de seu contrato com a Topper, expirado no dia 31 de julho, e o acerto com a Adidas para fornecimento de material esportivo, Thomaz Bellucci utilizou pela primeira vez o material da empresa alemã um dia após ter vestido a roupa da Topper.

    O técnico de Bellucci, João Zwetsch, também vestiu camisa e boné da Adidas apesar da recusa da assinatura do contrato. Tenista e treinador apresentaram o logo de outro patrocinador na manga da camisa, o que poderia indicar que o uniforme foi feito para ele. Mas o estafe dele e a empresa alemã negam o acerto.

    “Ainda não tem nada acertado com Topper nem com Adidas, foi uma decisão dele isso”, afirmou Antonio Torello, da Koch Tavares.

  • Por meio de sua assessoria de imprensa, a Topper se disse surpresa com o fato de Bellucci usar outro uniforme a ressaltou que segue em negociação com prioridade na renovação até o próximo dia 25.

    Mesmo com outro uniforme, o tenista voltou a ter problemas com as bolhas e chegou a pedir atendimento médico no segundo set.

  • Relembre a polêmica com o patrocinador

Com problemas e contra um adversário especialista em piso duro, Bellucci acabou falhando no primeiro set e teve seu serviço quebrado logo no game inicial da partida.

Depois de ver Baghdatis abrir vantagem, o tenista brasileiro melhorou no confronto, mas voltou a ter seu saque perdido e viu o cipriota vencer o set em 33min.

Bellucci voltou a ter o seu saque quebrado no segundo set e viu Baghdatis abrir vantagem, mas conseguiu equilibrar o confronto e devolveu a quebra no oitavo game, mesmo após o atendimento médico. Na sequência o brasileiro apresentou golpes potentes e dominou o final do set para igualar após 42min de parcial a partida.

Sem dar chances para Baghdatis, Thomaz Bellucci confirmou o seu primeiro serviço no set de desempate. A diferença a favor do tenista do Chipre veio no quinto game, quando Bellucci cedeu a chance de quebra e viu o rival converter. E logo no game seguinte o brasileiro conseguiu devolver a quebra.

Ao sacar no nono game do terceiro set, Thomaz Bellucci confirmou seu serviço e ficou a apenas um game de conquistar a vitória e a classificação para as oitavas de final no saque de Marcos Baghdatis, que abriu 40-0 e viu o brasileiro fazer dois pontos seguidos, mas ainda assim garantiu o serviço.

O duelo acabou ficando para o tie-break, quando Baghdatis começou melhor e venceu os quatros primeiros pontos e Bellucci demonstrou irritação.

O cipriota teve cinco match points, Bellucci salvou três, mas Baghdatis confirmou sua classificação para enfrentar o tcheco Tomas Berdych, número 7 do mundo, que derrotou o francês Paul-Henri Mathieu por 2 sets a 0, com duplo 6-4.

“Comecei o jogo muito mal. Fui melhorando aos poucos, reagi no segundo set, mas fui muito irregular durante toda a partida. Não dá para jogar desse jeito contra um cara experiente como o Baghdatis, ainda mais nesse piso. No tie-break, ele sacou muito e não me deu chances”, afirmou Bellucci após pela segunda rodada.

O tenista brasileiro embarca agora para o ATP 250 de New Haven, também nos Estados Unidos, onde faz na próxima semana o seu último evento preparatório antes de disputar o Aberto dos Estados Unidos em Nova York.

*Atualizado às 21h15

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte