Esporte

Federer bate Mardy Fish nas Finais da ATP e fica perto de ser número 3 do mundo

AFP PHOTO / GLYN KIRK
Roger Federer rebate a bola durante a partida contra Mardy Fish, em Londres Imagem: AFP PHOTO / GLYN KIRK

Do UOL Esporte

Em São Paulo

24/11/2011 14h01

Antes mesmo de entrar em quadra nesta quinta-feira, nas Finais da ATP, Roger Federer (4º) já estava classificado para as semifinais do torneio disputado em Londres. Nem por isso, no entanto, ele facilitou a vida do americano Mardy Fish. Pelo contrário. Venceu por 2 sets a 1, parciais de 6-1, 3-6 e 6-3, e segue invicto na competição.

Com as três vitórias já conquistadas na Inglaterra, Federer já tem garantidos mais 600 pontos no ranking mundial e está perto de ultrapassar o britânico Andy Murray e tornar-se o número três do mundo. Atualmente, Murray, que desistiu do torneio após a primeira rodada, soma 7.380 pontos, contra 6.670 do suíço. Assim, se conseguir uma vaga na decisão, Federer sobe um posto no ranking, já que somaria mais 400 pontos e chegaria a 7.670.

No primeiro set do confronto, parecia que Federer estava precisando da vitória. Desde o primeiro game ele mostrou o porquê de ser considerado um dos melhores tenistas da história e atropelou Mardy Fish. Confirmou seu saque no primeiro game e na sequência quebrou o saque do rival na quarta chance que teve. No terceiro game, o americano devolveu a quebra e ganhou seu único game na parcial. A partir dali, Roger Federer não deu mais chances, quebrou o saque rival mais duas vezes e teve excelente desempenho sacando, para fechar em 6 a 1.

Fish, tentando evitar sua terceira derrota nas Finais da ATP, entrou com mais agressividade no terceiro set, e foi premiado. Conseguiu uma quebra no quarto game, abriu 3 a 1 e encaminhou a vitória na parcial, para empatar o jogo. Depois, os dois tenistas apenas confirmaram seus serviços sem maiores dificuldades, e o americano triunfou por 6 a 3.

Federer começou o terceiro e último set com tudo. Venceu os três primeiros games e, abusando de lindas jogadas, praticamente garantiu seu triunfo. O rival, em desvantagem no placar, não teve forças suficientes para conseguir reagir e o suíço triunfou em 6 a 3.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo