Esporte

Em estreia de nova raquete, Federer começa mal, mas vira contra alemão

Do UOL, em São Paulo

17/07/2013 13h57

No que ele chamou de "a maior mudança possível para um tenista", Roger Federer estreou uma nova raquete nesta quarta-feira, em sua primeira partida no ATP 500 de Hamburgo. Ele começou mal o casamento com o novo instrumento de trabalho, mas se recuperou e virou sobre o alemão Daniel Brands: perdeu o 1° set por 3-6, mas fechou os seguintes em 6-3 e 6-2 e avançou para as oitavas na Alemanha.

O suíço, que caiu na última semana para 5° no ranking da ATP, sua pior posição em 10 anos, estreou nesta tarde uma raquete de 98 polegadas quadradas no aro (243 cm) – ele jogava com uma de 90 polegadas (228 cm) até Wimbledon, quando caiu na segunda rodada para o ucraniano Sergiy Stakhovsky.

A mudança pode explicar a derrota no primeiro set. Como ele mesmo disse ao anunciar que mudaria, a troca é significativa. “Mudar esse equipamento, na minha opinião, é a maior para um tenista. Ela tem uma cabeça maior. Acho que 90% dos jogadores da ATP jogam com tamanho entre 95 e 100 polegadas. Tenho testado desde a derrota em Wimbledon e está indo muito bem”, declarou.

No primeiro set, isso não foi visto. O número cinco do mundo foi mal no primeiro saque – apenas 47% de acerto – e não conseguiu evitar uma das duas chances de break de Brands. O alemão, por sua vez, salvou duas chances de Federer e levou o set em 6-3, para alegria dos torcedores da casa.

Porém, a partir da segunda parcial, Federer pegou o jeito da nova raquete e se impôs. Fechou seus dois primeiros games de serviço n set de zero, e quebrou o quarto game também sem sofrer pontos. Novamente de zero, fechou o nono game para levar o set por 6-3.

A diferença de pontos foi grande na parcial: 29 a 14. O suíço também se recuperou no saque – 77% de acerto no primeiro serviço – e não deu chances de quebra ao rival.

No set decisivo, Brands, apenas o 58 do ranking da ATP, não teve chances contra um Federer empolgado. Em cinco games, o suíço já havia quebrado duas vezes o saque do rival. Confirmando seus serviços e com três aces, ele levou a parcial por 6-2 e se garantiu nas quartas.

Federer, que declarou jogar em Hamburgo e em Gstaad, na próxima semana, para pegar confiança, agora encara o tcheco Jan Hajek, que bateu o letão Ernests Gulbis também nesta quarta.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo