Topo

Esporte

Top model era fã de Guga e descobriu por acaso que é prima do tenista

Luiza Oliveira

Do UOL, em São Paulo

07/07/2015 06h01

Renata Kuerten se tornou uma das modelos de maior sucesso no mundo e agora iniciou a carreira de apresentadora da RedeTV!. Mas desde o início da carreira a modelo chama a atenção por um outro motivo: o sobrenome que ficou eternizado por um dos maiores ídolos do esporte brasileiro, o tenista Gustavo Kuerten.

Renata sempre foi fã de Guga desde que ele surgiu ao conquistar Roland Garros pela primeira vez em 1997 quando ela ainda era uma menina de oito anos. Mas demorou muitos anos para descobrir que tinha parentesco com o atleta, apesar de ambos terem nascido em Santa Catarina.

Só depois de já ser uma modelo consagrada, ela soube que era prima de terceiro grau de Guga por causa de uma matéria em uma revista que se deu ao trabalho de fazer a árvore genealógica das duas famílias.

Ela conta que a vida inteira ouviu perguntas se era parente e respondia que não, até para não ouvir críticas de que queria se promover às custas do ídolo. “Virei modelo e fiquei com medo de acharem que eu queria crescer em cima do Guga. Fui morar fora. Até dei uma entrevista para a Globo de Santa Catarina e falei que não era prima. Mas todo mundo comenta em todo lugar até hoje. Faustão, Fátima Bernardes, Xuxa e Luciano Huck, todo mundo pergunta”.

A preocupação mudou quando já estava consolidada na profissão e finalmente descobriu que seu pai era primo da mãe dele. “Na hora pensei: ‘Que máximo, que chique’. Hoje eu falo para Deus e  o mundo. Por mim eu colocava no Facebook e no Instagram ‘oi, gente , sou prima do Guga’. O Guga é um ícone, ele é o máximo, é como ser prima do Ronaldo, da Xuxa ou do Pelé”, conta ela.

Renata conta que chegou a conhecer Guga e foi logo conversar sobre o parentesco, mas que não tem muita intimidade.

“Encontrei ele em vários eventos, ele é muito educado. Toda vez que me vê ele lembra, lembra dos meus pais, é muito atencioso, carinhoso. Ele é muito simples, tem uma luz, é impressionante. Mas não tenho muita intimidade, adoraria ter, mas não tenho. Imagina fazer um churrasquinho com o Guga?”, brinca ela.

A família de Renata é tão fã que o sobrinho dela também se chama Gustavo Kuerten em homenagem ao atleta. O pai da modelo também tem o apelido de Guga porque usa os famosos cachinhos. 

Mas, apesar do sobrenome e do sangue campeão, Renata não leva jeito para o tênis. Ela chegou a fazer algumas aulas quando era criança, mas admite que não é seu forte. Mas isso não quer dizer que ela não seja ligada em esportes. Pelo contrário.

Renata faz o perfil atleta e ficou conhecida no mundo da moda como a ‘top do corpo perfeito’. Para definir as curvas, ela prefere um exercício mais pesado e pratica lutas desde os 8 anos quando começou no caratê. Depois virou modelo, foi morar em Paris e continuou com boxe e kickboxing.

“Desde pequenininha eu pratico esportes, meus pais não tinham condições de pagar, aí um professor de caratê me deu uns meses de aulas gratuitas. Depois ele não teve mais como me dar aulas e eu parei, mas sempre fiz vôlei, fui gandulinha em quadra de tênis. Fui morar em Paris, Israel e comecei a praticar boxe. Adoro estar em movimento, fiz aula de circo, trapézio, acrobacia, é uma coisa maravilhosa. Fiz yoga por quatro anos, pilates”.

Renata não para mesmo. A paixão é tão grande que ela se tornou sócia de uma academia de lutas junto com o namorado Beto Senna. Com o acompanhamento de um personal, ela treina três vezes por semana e faz de tudo: muay thai, boxe, funcional, musculação, pilates, alongamento, bike, remo... e por aí vai.

Hoje ela concilia os exercícios com a vida de modelo e a carreira de apresentadora. Ao lado de Matheus Mazzafera, comanda o programa dominical de variedades da RedeTV! Chega Mais. Cheia de desenvoltura, começou recentemente a vida de apresentadora, mas já pegou gosto.

“É um programa descontraído, à vontade, no domingo para as pessoas relaxarem e começarem a semana bem. Estou muito feliz”.

Renata já sonha alto e se espelha nas apresentadoras que também começaram como modelo Fernanda Lima e Ana Hickmann.

“Tenho o sonho de ser uma das maiores apresentadoras do Brasil. Admiro muito a Fernanda Lima e a Ana Hickmann. A Ana é super clássica, fala super bem. A Fernanda é descolada, ótima no ao vivo, espontânea, se eu conseguisse pegar um pouquinho de cada é a imagem que eu gostaria de passar”.

Mais Esporte