Esporte

Quem será o tenista dos US$ 100 mi? O duelo de Federer e Djokovic em 2016

Stefan Wermuth/Reuters
Imagem: Stefan Wermuth/Reuters

Do UOL, em São Paulo

04/01/2016 06h00

A temporada de 2016 do tênis mundial terá início nesta segunda-feira com a disputa de três torneios (ATPs 250 de Chennai, Doha e Brisbane), muitas atrações, diversos questionamentos e uma disputa particular entre Roger Federer e Novak Djokovic. Quem chegará primeiro a marca de US$ 100 milhões em premiação na carreira e alcançará um feito inédito na história do esporte?

Terceiro colocado do ranking mundial, o suíço de 34 anos leva vantagem nesta corrida milionária. Profissional desde 1998, ele já faturou US$ 97.303.556,00.

O sérvio, de 28 anos, e profissional desde 2003, aparece com cerca de US$ 3 milhões a menos. Já embolsou exatos US$ 94.050.053,00.

Na primeira semana do ano, os dois aumentarão seus faturamentos e Federer seguirá à frente independentemente dos resultados que tiverem. O suíço poderá embolsar US$ 72.000 em caso de título em Brisbane, torneio no qual será o cabeça de chave número 1 e foi campeão em 2015.

Já Djokovic atuará em Doha, onde a bolada é maior. O vencedor leva para casa US$ 201.165,00. Até mesmo o vice fatura mais do que o campeão em Brisbane. O perdedor na final terá direito a US$ 105.940,00. No Qatar, o principal adversário do líder do ranking será o espanhol Rafael Nadal.

Com cifras longe dos milhões na primeira semana do ano, a briga esquentará mesmo no Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam do ano e que tem início no dia 18 de janeiro. E lá Federer poderá alcançar o recorde.

Mas para isso precisará ficar com a taça, o que não consegue em um Grand Slam desde julho de 2012. O campeão em Melbourne embolsará US$ 2,78 milhões, enquanto o vice ficará com US$ 1,39 milhão.

"Não estou neste esporte por causa do dinheiro", minimizou Djokovic.

Enquanto no masculino, dois tenistas estão bem próximos dos US$ 100 milhões, no feminino isso ainda vai demorar um pouco para acontecer ainda que os Grand Slams tenham pago as mesmas quantias para ambos os sexos. Quem está mais perto da marca centenária é Serena Williams, que faturou US$ 74.083.421,00.

Veja os 10 tenistas que mais faturaram em premiação até hoje e o melhor brasileiro na lista

1º Roger Federer - US$ 97.303.556,00
2º Novak Djokovic - US$ 94.050.053,00
3º Rafael Nadal - US$ 75.888.125,00
4º Pete Sampras - US$ 43.280.489,00
5º Andy Murray - US$ 42.435.316,00
6º Andre Agassi - US$ 31.152.975,00
7º David Ferrer - US$ 28.355.864,00
8º Boris Becker - US$ 25.080.956,00
9º Yevgeny Kafelnikov - US$ 23.883.797,00
10º Tomas Berdych - US$ 23.804.551,00
21º Gustavo Kuerten - US$ 14.807.000,00
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo