Esporte

Com virada heroica, Argentina conquista a Copa Davis após quatro vices

REUTERS/Antonio Bronic
Del Potro ergue a taça da Copa Davis Imagem: REUTERS/Antonio Bronic

Do UOL, em São Paulo

27/11/2016 18h49

A Argentina começou o domingo em uma situação desesperadora e terminou o dia com a maior glória da história de seu tênis. Com duas vitórias na Arena Zagreb (CRO), os argentinos saíram de 2 a 1 contra e fizeram 3 a 2 na série em melhor de cinco jogos ante a Croácia para conquistar pela primeira vez em sua história o título da Copa Davis.

Até agora, os argentinos haviam amargado quatro vice-campeonatos, sendo o último deles na temporada de 2011. Antes, foram derrotados na decisão em 1981, 2006 e 2008.

O responsável por dar o título à Argentina foi Federico Delbonis (41º colocado do ranking mundial). No duelo decisivo, ele não se importou com o fato de jogar fora de casa e enfrentar um adversário com saque muito potente e superou Ivo Karlovic (20º) por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 6/2.

Opinião: Davis é maior glória argentina desde 1986

Mas Delbonis só chegou a esta condição após Juan Martín del Potro (38º do mundo) conseguir uma virada épica para manter seu país vivo na disputa. Depois de sair perdendo por 2 a 0 para Marin Cilic, fez 3 a 2, com parciais de 6/7 (4/7), 2/6, 7/5, 6/4 e 6/3.

O título levou à loucura o ex-jogador Diego Maradona e os cerca de 4 mil argentinos que apoiaram a equipe desde o primeiro dia do duelo na capital croata, na sexta-feira.

Em seu caminho até o título, a Argentina venceu todos os confrontos atuando longe de Buenos Aires. Passou por Polônia (3 a 2), itália (3 a 1) e Reino Unido (3 a 2). Os britânicos defendiam a taça conquistada em 2015. 

A virada épica de Del Potro

Os dois primeiros sets deram a impressão de que Cilic iria liquidar a fatura e garantir o segundo título da Davis para a Croácia. Abusando dos saques e pressionando Del Potro, o croata sempre esteve no controle. A vitória por 6 a 2 na segunda parcial foi uma mostra disso.

O cenário do jogo, porém, começou a mudar no terceiro set. Del Potro seguiu com sua estratégia e quando a partida parecia se encaminhar para o tie-break no terceiro set, o argentino conseguiu a quebra que impulsionou a sua reação.

Isso inflamou ainda mais a torcida argentina que compareceu em grande número à Arena de Zagreb e enlouqueceu Maradona. Empolgado, Del Potro passou a tomar conta do jogo.

Nem mesmos os poderosos saques de Cilic - que terminou com 34 aces - abalaram o argentino, que chegou ao triunfo após vencer os dois sets seguintes.

Delbonis vence com autoridade

Após a vitória de Del Potro toda a responsabilidade ficou com Delbonis. E o jogador não decepcionou o capitão Daniel Orsanic, que tinha a opção de escalar outro atleta.

Desde o começo do jogo, esteve muito firme e ao longo de toda a partida jamais perrmitiu que o veterano gigante Ivo Karlovic, de 37 anos e 2,13m de altura, quebrasse o seu serviço.

E mesmo jogando contra um adversário de saque potente - que anotou 14 aces - Delbonis aproveitou bem todas as oportunidades que teve. Uma quebra no primeiro, e uma outra no segundo foram o suficiente para lhe garantir o triunfo.

No terceiro, Karlovic já parecia derrotado e apesar de muita luta não conseguiu evitar que o argentino obtivesse mais duas quebras. Sacando em 5 a 2, Delbonis não sentiu a pressão e consolidou o título histórico. 

Confira os duelos da final:

Sexta-feira
Marin Cilic 3 x 2 Federico Delbonis - 6/3, 7/5, 3/6, 1/6 e 6/2
Ivo Karlovic 1 x 3 Juan Martín del Potro - 4/6, 7/6 (8/6), 6/3 e 7/5

Sábado
Marin Cilic/Ivan Dodig 3 x 0 Leonardo Mayer/Juan Martín del Potro -  7/6 (7/2), 7/6 (7/4) e 6/3

Domingo
Marin Cilic 2 x 3 Juan Martín del Potro - 7/6 (7/4), 6/2, 5/7, 4/6 e 6/3
Ivo Karlovic 0 x 3 Federico Delbinis - 3/6, 4/6 e 2/6

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo