Tênis

Melo vive casos de celebridade no Brasil após Wimbledon: "vergonha nova"

Shaun Botterill/Getty Images
Marcelo Melo comemora a conquista de Wimbledon Imagem: Shaun Botterill/Getty Images

Bruno Freitas

Do UOL, em São Paulo

20/07/2017 12h12

Campeão de duplas em Wimbledon há alguns dias, o brasileiro Marcelo Melo vai experimentando uma nova sensação no retorno ao seu país. Mesmo já tendo sido número 1 do mundo e com um Roland Garros no currículo, o tenista de 33 anos diz entender que a conquista na famosa grama inglesa oferece um novo momento de notoriedade entre os compatriotas.

Para ilustrar essa sensação, Marcelo Melo conta dois casos vividos nas últimas horas em São Paulo, na volta de Londres.

"A ficha está caindo aos poucos. As pessoas ficam me dizendo: ‘você ganhou Wimbledon, você ganhou Wimbledon’. Mesmo pessoas que não acompanham muito o tênis. Um casal me reconheceu no avião, quando aterrissou aqui, e começou a bater palmas. Eu até fiquei com vergonha, uma vergonha nova para mim", relatou o campeão de Wimbledon em entrevista coletiva em São Paulo, nesta quinta-feira.

"Na imigração, uma pessoa pediu para tirar foto comigo. Aí ela falou para um amigo que estava comigo: ‘agora ele tem que se preparar, ele vai ficar famoso’. Então por isso eu digo que a ficha vai caindo aos poucos, por isso que a conquista em Wimbledon torna as coisas muito especiais", acrescentou Marcelo Melo, que neste ano já venceu 34 partidas ao lado do polonês Lukasz Kubot, com nove derrotas.

O primeiro título de Marcelo Melo em Wimbledon veio numa dramática vitória sobre o austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic por 3 sets a 2, numa maratona de quase cinco horas. 

Com o título, Melo e Kubot consolidaram a supremacia na temporada na grama, em que também arrebataram os títulos de outros dois torneios: ATP 250 s-Hertogenbosch (Holanda) e ATP 500 de Halle (Alemanha).

A dupla campeã de Wimbledon volta à ação no circuito no dia 31 de julho, em Washington, para a disputa do Citi Open (ATP 500), na abertura das disputas em quadras rápidas da temporada. Melo e Kubot ainda jogam em Montreal e Cincinatti antes do próximo grande objetivo da parceria, a presença no Aberto dos Estados Unidos, último Grand Slam da temporada. 

No entanto, o brasileiro diz que ainda levará um tempo para processar a questão emocional após realizar o sonho de ser campeão no Grand Slam inglês.

"Até foi engraçado. Me perguntaram na coletiva lá em Wimbledon qual era minha próxima meta. Eu disse que não sabia. Wimbledon era a grande meta da minha carreira, da minha vida. Agora quero dar uma pensada, uma relaxada', afirmou o brasileiro.

Número 1 do mundo, de novo

Com a conquista em Londres, Melo também alcançou o topo do ranking individual de duplas da ATP pela segunda vez na carreira. O brasileiro chegou aos 9.220 pontos, deixando para trás o finlandês Henri Kontinen (7.940) e o australiano John Peers (7.620).

De quebra, o título em Wimbledon aumentou a vantagem de Melo e Kubot na liderança anual de duplas e assegurou a classificação da parceria para o ATP Finals, torneio em Londres que encerra a temporada e conta com os oito melhores tenistas de simples e as oito melhores duplas da temporada. 

A conquista deste ano em Wimbledon foi a segunda de Melo em torneios de Grand Slam. Em 2015, jogando ao lado do croata Ivan Dodig, o tenista brasileiro havia sido campeão do Aberto da França, em Roland Garros.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Redação
AFP
Redação
Redação
Redação
EFE
EFE
AFP
EFE
Esporte Ponto Final
EFE
Blog Saque e Voleio
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
EFE
Redação
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
EFE
EFE
EFE
Redação
EFE
EFE
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
EFE
Redação
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
AFP
Blog Saque e Voleio
AFP
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Topo