Topo

Tênis

Murray desiste de Cincinnati e deixará de ser número um do mundo

AP Photo/Kirsty Wigglesworth
Andy Murray discute com árbitro de cadeira durante partida em Wimbledon Imagem: AP Photo/Kirsty Wigglesworth

Do UOL, em São Paulo

09/08/2017 14h43

A lesão no quadril que atrapalhou Andy Murray em Wimbledon fez o tenista desistir do Masters de Cincinnati. Com isso, o britânico vai perder a liderança do ranking profissional.

Murray não entra em quadra desde a derrota para Sam Querrey nas quartas de final em Wimbledon. A meta do tenista é estar saudável para a disputa do US Open.

"Infelizmente, não vou jogar em Cincinnati enquanto continuo minha recuperação. Sempre gosto de jogar lá e estou ansioso para retornar no ano que vem. Vou continuar trabalhando duro na quadra com a meta de estar em Nova York", afirmou o britânico.

Como defende pontos pelo vice-campeonato de 2016 em Cincinnati, Murray obrigatoriamente será superado na liderança do ranking daqui a duas semanas. O posto de número 1 será disputado por Rafael Nadal e Roger Federer. Se o espanhol vencer três partidas nos Masters, já aparecerá no topo na próxima segunda-feira (14).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!