Tênis

Federer bate Haase, vai à final em Montreal e acirra briga pelo número 1

Xinhua/Andrew Soong
Roger Federer superou Robin Haase na semifinal de Montreal Imagem: Xinhua/Andrew Soong

Do UOL, em São Paulo

12/08/2017 17h36

Roger Federer segue em grande fase na carreira poucos dias após completar 36 anos e de olho no topo do ranking. Neste sábado, o tenista suíço venceu o holandês Robin Haase por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6, e avançou para a final do Masters 1000 de Montreal.

Federer vai enfrentar o alemão Alexander Zverev, oitavo do ranking, que venceu o jovem canadense Denis Shapovalov, de apenas 18 anos, na outra semifinal por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/5. A presença na decisão comprova o desempenho irretocável do suíço na temporada após vencer dois Masters 1000, em Indian Wells e Miami, além de ter levantado o troféu do Australian Open, de Wimbledon e do ATP 500 de Halle.

Dessa forma, Federer vê cada vez mais perto a possibilidade de voltar ao posto de número 1 do ranking mundial, posição que não ocupa desde novembro de 2012. O tenista já pode atingir o feito na semana que vem, no Masters 1000 de Cincinnatti, já que não tem pontos para defender neste segundo semestre do ano.

Federer e Haase não tinham muita experiência em se enfrentar, já que mediram forças apenas uma vez em 2012 pela Copa Davis. A expectativa era que o suíço passasse pelo adversário com certa facilidade, mas ele cometeu erros em sequência logo nos games iniciais. Roger cometeu uma dupla falta, mandou uma bola no meio da rede e acabou sendo quebrado no serviço.

Mas o suíço contou com os erros do adversário que não soube aproveitar a chance e vacilou nas devoluções. Assim, conseguiu abrir uma boa vantagem de 4 a 1 no set. Depois, impôs o seu estilo de jogo agressivo e venceu a primeira parcial por 6/3.

O segundo set foi bem mais equilibrado e os dois tenistas mantiveram seus saques até o empate por 6 a 6. A decisão foi no tie-break. Haase cometeu um erro não forçado logo no início, e Federer abriu 4 a 1 de vantagem. A partida parecia decidida, mas Haase começou a utilizar muito bem o seu saque e deu novo equilíbrio ao tie-break deixando tudo empatado por 5 a 5. No fim, o suíço fechou em 7/5.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

AFP
Blog Saque e Voleio
Redação
Blog Saque e Voleio
EFE
Fernando Meligeni
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
EFE
Redação
Fernando Meligeni
Blog Saque e Voleio
EFE
Fernando Meligeni
UOL Esporte
Redação
Blog Saque e Voleio
EFE
AFP
EFE
Fernando Meligeni
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
Redação
AFP
Redação
AFP
EFE
EFE
EFE
EFE
EFE
EFE
Redação
UOL Esporte
Redação
Redação
Fernando Meligeni
Redação
EFE
EFE
Blog Saque e Voleio
EFE
Revista Tênis
Redação
Revista Tênis
Redação
Topo