Tênis

Em carta à mãe, Serena agradece por ajudá-la a lidar com o preconceito

AFP PHOTO / KENA BETANCUR
Imagem: AFP PHOTO / KENA BETANCUR

Do UOL, em São Paulo

19/09/2017 15h58

Serena Williams escreveu uma emotiva carta para sua mãe, Oracene Price, no “Reddit”, rede social fundada pelo marido da tenista. No texto, a norte-americana agradece por ajudá-la a lidar com os preconceitos envolvendo sua cor e seu porte físico.

A tenista deu à luz recentemente a Alexis Olympia e disse ver na filha as mesmas características físicas dela. Por isso, espera um dia ter a mesma calma que a mãe teve para lidar com os comentários preconceituosos.

“Tenho sido chamada de homem por causa de minha aparência forte. Foi dito que eu uso drogas (não, eu sempre tive muita integridade para agir de maneira desonesta para levar vantagem). Foi dito que não pertenço ao esporte feminino – que pertenço ao masculino – porque pareço mais forte que várias outras mulheres. (Não, eu apenas trabalho duro e nasci com este corpo f... e me orgulho disso)”, escreveu Serena.

Confira a carta de Serena Williams:

Querida mãe,

Você é uma das mulheres mais fortes que eu conheço. Estava olhando para minha filha (meu deus, eu tenho uma filha) e ela tem meus braços e minhas pernas. Exatamente a mesma força, musculatura, potência em seus sensacionais braços e corpo. Não sei como reagirei caso ela passe pelo que passei desde meus 15 anos até os dias de hoje.

Tenho sido chamada de homem por causa de minha aparência forte. Foi dito que eu uso drogas (não, eu sempre tive muita integridade para agir de maneira desonesta para levar vantagem). Foi dito que não pertenço ao esporte feminino – que pertenço ao masculino – porque pareço mais forte que várias outras mulheres. (Não, eu apenas trabalho duro e nasci com este corpo f... e me orgulho disso).

Mas, mãe, não sei como você não foi para cima de cada repórter, pessoa, locutor e, francamente, haters que eram muito ignorantes para entender o poder de uma mulher negra.

Tenho orgulho que nós pudemos mostrar a eles como algumas mulheres se parecem. Não temos todas a mesma aparência. Temos curva, somos fortes, musculosas, altas, baixas, só para citar algumas, e todas iguais: somos mulheres e orgulhosas!

Você tem tanta classe, eu só desejo ter a sua liderança. Estou tentando, porém, e Deus ainda não terminou comigo. Eu tenho um longo caminho a percorrer, mas obrigado.

Obrigado por ser o exemplo que eu precisava para suportar todas as dificuldades que agora considerado como desafios – e eu gosto. Espero ensinar minha bebê Alexis Olympia o mesmo, e ter a mesma força que você teve.

Prometa-me, mãe, que você vai continuar me ajudando. Ainda não tenho certeza se sou tão calma e forte quanto você. Espero chegar lá um dia. Eu te amo muito.

De sua mais nova em cinco,

Serena

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
AFP
Redação
Redação
Redação
EFE
EFE
AFP
EFE
Esporte Ponto Final
EFE
Blog Saque e Voleio
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
EFE
Redação
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
EFE
EFE
EFE
Redação
EFE
EFE
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
EFE
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
AFP
Blog Saque e Voleio
AFP
Redação
Redação
Topo