Tênis

Elas jogam juntas, estão noivas e são único casal gay no circuito de tênis

Shaun Botterill/Getty Images
Tara Moore (e) e Conny Perrin decidiram ser parceiras também no tênis Imagem: Shaun Botterill/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

08/10/2017 04h00

Dentro e fora de quadra, elas estão quase sempre juntas. A suíça Conny Perrin e a britânica Tara Moore estão noivas desde o ano passado e formam uma dupla também no circuito profissional de tênis. Encontraram uma forma de encarar o corrido calendário do esporte sem deixar uma história de amor para trás. Elas formam o único casal oficial em atividade no circuito feminino.

As tenistas foram apresentadas por um amigo em comum em 2011, em um torneio na França. Mas a primeira tentativa de relacionamento não deu certo. As seguidas viagens do circuito dificultaram o início do romance. Elas, no entanto, decidiram dar uma segunda chance e apostaram alto na parceria.

Perrin e Moore agora percorrem o circuito mundial como uma dupla em quadra. No mês passado, inclusive, conquistaram o primeiro título juntas, ao vencerem o torneio de Albuquerque, nos Estados Unidos. Depois de alguns vices, um deles no Rio Open de 2016, elas puderam celebrar um título como casal.

“Temos uma motivação dupla em quadra porque ao seu lado está alguém que você quer muito que vença, tanto quanto você”, definiu Moore ao “The New York Times”. “Se ela não está bem no começo, meu foco vai muito para ela, mais do que se fosse com outra pessoa”, emendou Perrin.

Moore, de 25 anos, já alcançou a 145ª posição no ranking de simples, mas hoje ocupa a modesta 310ª colocação. Perrin, por sua vez, é a 192ª. Como estão num nível em que não faturam milhões de dólares, elas não dispõem de grande estrutura nas viagens.

Por isso, a companhia que uma faz a outra é fundamental, argumentam. “Não viajamos com um treinador nem com a nossa família. Só de vez em quando. Então somos muito sortudas porque praticamos o mesmo esporte e temos a outra por perto”, disse Moore, cuja principal parceira nos treinos em viagens é justamente sua noiva.

Mas tanta coincidência também rende situações curiosas. Neste ano, por exemplo, as duas se enfrentaram em um torneio de simples. Foi no Marrocos, na segunda rodada do qualifying do torneio de Rabat.

Perrin venceu a amada com facilidade, precisando de 51 minutos para fazer 6/1 e 6/2. “É como enfrentar sua melhor amiga. Você vai para a quadra, faz seu jogo, vê como o outro está e está tudo bem. É preciso ser maduro para saber separar um jogo e sua vida”, opinou Moore.

Segundo ela, logo o clima entre o casal estava normal. Afinal, Moore já começou a ajudar Perrin a analisar a próxima adversária. “Assistimos à partida da próxima rival e a vida voltou ao normal”, completou a britânica. As duas também contam que não encararam nenhum tipo de preconceito no circuito até o momento. Mais que isso, já ouviram atletas perguntando se podem ir ao casamento delas planejado para o ano que vem, na Tailândia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
AFP
Redação
Redação
Redação
EFE
EFE
AFP
EFE
Esporte Ponto Final
EFE
Blog Saque e Voleio
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Redação
Redação
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
EFE
Redação
Blog Saque e Voleio
Blog Saque e Voleio
EFE
EFE
EFE
Redação
EFE
EFE
Redação
Redação
UOL Esporte
Redação
EFE
Redação
Blog Saque e Voleio
Fernando Meligeni
AFP
Blog Saque e Voleio
AFP
Redação
Redação
Topo