Topo

Tênis

Tenista reclama de falta de bananas e é advertida no Aberto da Austrália

REUTERS/Toru Hanai
A tenista norte-americana CoCo Vandeweghe em ação no Aberto da Austrália Imagem: REUTERS/Toru Hanai

Do UOL, em São Paulo

15/01/2018 18h31

Uma inusitada reclamação gerou advertência à norte-americana Coco Vandeweghe no Aberto da Austrália, em Melbourne, nesta segunda-feira (15). No fim do primeiro set do duelo contra a húngara Timea Babos, a nona colocada no ranking mundial de tênis recusou-se a reiniciar a partida enquanto algum dos pegadores de bolinha na quadra não trouxesse bananas para ela.

"Eu tenho necessidades e não tenho culpa se essa quadra não está preparada", reclamou Vandeweghe à árbitra de cadeira.

Advertida, a tenista voltou a ter a atenção chamada pela arbitragem ao acusar a adversária de provocação e de tentar acertá-la com uma bolada no rosto propositalmente, no segundo set.

Além de se indispor com a arbitragem, Vandeweghe acabou eliminada do primeiro Grand Slam desta temporada ao perder para Babos por 2 sets a 0, com parciais de 7-6 e 6-2. Ela era a cabeça de chave número 10 do torneio australiano.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!