Topo

Tênis


Tênis

Federer vai às lágrimas em entrevista ao falar de técnico morto em acidente

Reprodução/CNN
Federer não segurou a emoção após relembrar de seu antigo treinador Imagem: Reprodução/CNN

Do UOL, em São Paulo

2019-01-07T12:39:12

07/01/2019 12h39

Roger Federer não conseguiu segurar a emoção ao relembrar de seu antigo técnico Peter Carter, morto em um acidente de carro em 2002. Durante entrevista à CNN, o tenista até pediu desculpas pelas lágrimas. 

Quando perguntado sobre o que Carter pensaria sobre a conquista recorde de 20 Grand Slams, Federer desabou: "Desculpe. Oh, cara, eu ainda sinto muito a falta dele. Espero que ele fique orgulhoso. Nossa, nunca desmoronei assim", disse o tenista às lágrimas.

O australiano Peter Carter morreu aos 37 anos de idade, quando estava em lua de mel na África. Federer soube do acidente enquanto competia o Canadian Masters, em Toronto.

Na biografia "Roger Federer: Quest for Perfection", o jornalista suíço Rene Stauffer conta que o tenista "nunca ficou tão chateado em sua vida".