Topo

Tênis


Tênis

Del Potro cogita aposentadoria após nova lesão na carreira

Del Potro chora emjogo contra Wawrinka no Aberto dos Estados Unidos - AFP PHOTO / KENA BETANCUR
Del Potro chora emjogo contra Wawrinka no Aberto dos Estados Unidos Imagem: AFP PHOTO / KENA BETANCUR

Do UOL, em São Paulo

21/06/2019 16h28

Nesta semana, Juan Martin Del Potro entrou em quadra em busca de mais um título de ATP 500 e chegar em boas condições no torneio de Wimbledon, que acontecerá daqui uma semana. No entanto, o que poderia ser um ótimo planejamento se tornou um pesadelo para o argentino, que teve uma fratura durante a partida diante do canadense Denis Shapovalov, fazendo com que se retirasse do torneio de Queen's e marcasse uma nova cirurgia em sua carreira, que pode se encerrar após este novo problema físico.

Isso porque o tenista argentino publico em sua conta oficial do Instagram um vídeo falando sobre a lesão, destacando que já está marcada uma cirurgia para este sábado (22) e que irá usar o tempo de recuperação para saber se parar de jogar tênis é a melhor opção para a sua saúde. "Quero agradecer as inúmeras mensagens de apoio que estou recebendo. Como devem imaginar, não está sendo um momento fácil para mim e vou usar o momento de recuperação para saber como estará o meu corpo após a cirurgia".

O atleta também aproveitou para falar que ainda está lidando com a situação, algo que não estava esperando já que o lance foi totalmente casual (a fratura aconteceu após Delpo fazer uma aproximação na rede e não conseguir apoiar direito seu pé direito na grama). "É triste ter que passar por tudo isso novamente. Eu não esperava por isso. Mas aconteceu e agora terei que pensar. Eu não sei se essa foi minha última partida profissionalmente, preciso avaliar durante esse tempo o que é melhor, o que os médicos irão dizer".

A carreira de Del Potro é marcada por muitas graves lesões e muita superação para continuar jogando tênis. O atleta sul-americano ficou muito perto de encerrar a carreira precocemente em 2015 por causa de diversas cirurgias no punho que o impossibilitavam de ter uma sequência dentro de quadra. Mesmo com as dificuldades, passou por processo de recuperação por praticamente um ano todo e voltou em 2016, conquistando títulos, a medalha de prata na Olimpíada de 2016 e sendo fundamental para a conquista inédita da Argentina na Copa Davis.

No momento, Del Potro continua sendo o tenista da América do Sul mais bem ranqueado, com boas participações em torneios de grande nível nos últimos anos, como o vice-campeonato no US Open e as quartas de final de Wimbledon, ambos na temporada de 2018.