Topo

Esporte

Morre, aos 75 anos, ex-atleta olímpico João Gonçalves Filho

Do UOL Esporte

Em Belo Horizonte

28/06/2010 10h58

O ex-atleta olímpico João Gonçalves Filho morreu, aos 75 anos, nesse domingo em São Paulo. Como atleta, ele participou de cinco edições dos Jogos Olímpicos, sendo duas na natação (Helsinque 1952 e Melbourne 1956) e três no polo aquático (Roma 1960, Tóquio 1964 e Cidade do México 1968).

Ele foi ainda o porta bandeira da delegação brasileira nos Jogos de 1968. João Gonçalves Filho foi também técnico da seleção brasileira de judô nos Jogos Olímpicos Barcelona 1992 e Atlanta 1996 e era o chefe do departamento de judô do clube Pinheiros.

Em nota, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) manifestou o “mais profundo pesar” pela morte de João Gonçalves Filho e destacou sua “dedicação ao esporte e seu exemplo como desportista”, que lhe valeram o Troféu Adhemar Ferreira da Silva, concedido pelo COB em 2002, durante a cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico.

A Confederação Brasileira de Judô (CBJ) informou que o corpo de João Gonçalves Filho será cremado no Horto da Paz (Rodovia Regis Bittencourt km 290), às 17h.

O presidente da CBJ, Paulo Wanderley Teixeira, lamentou, em nota, a morte de “um dos principais personagens olímpicos do Brasil”. "João Gonçalves sempre foi apaixonado pelo esporte e fez dele a sua vida. Poucos brasileiros podem se orgulhar de terem estado em sete olimpíadas e dou meus pêsames aos familiares e amigos", disse.

O coordenador técnico internacional da CBJ, Ney Wilson, também manifestou seu pesar. "João Gonçalves sempre formou grandes equipes e excelentes atletas no Esporte Clube Pinheiros. Sua contribuição foi enorme para o esporte olímpico brasileiro", afirmou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte