Esporte

Russomanno ganha processo contra página que satiriza legado da Copa-2014

Lucas Lima/ UOL
O deputado federal Celso Russomanno (PRB): jogo duro contra piadas na internet Imagem: Lucas Lima/ UOL

Do UOL, em São Paulo

14/10/2016 17h16

O ex-candidato à Prefeitura de São Paulo e deputado federal Celso Russomanno (PRB) ganhou na Justiça processo contra a página humorística "Legado da Copa", hospedada no Facebook. Além de ter de tirar a postagem que gerou o processo do ar, os criadores foram condenados a pagar R$ 5.000,00 de indenização por danos morais ao deputado. Para tanto, lançaram uma vaquinha na internet.

"Esse post foi publicado no meio da campanha por um cidadão anônimo, e foi replicado na página ´Legado da Copa´", diz o advogado Arthur Rollo, que representa Russomanno. "O negócio viralizou e teve mais de 20 mil compartilhamentos", diz o advogado, justificando por que a campanha decidiu entrar com a ação. "Muita gente não sabia que era uma uma piada e acreditou. Com certeza perdemos alguns votos aí", afirma Rollo. Ele não está satisfeito com a sentença e afirma que vai recorrer. Na ação, ele pedia a retirada da página do ar, e disse que quer a extensão da multa de R$ 5.000,00 também para o criador original da peça da discórdia, que não foi condenado. O advogado conta que entrou com mais de 30 processos contra páginas e autores de posts durante a campanha municipal em São Paulo.

A postagem em questão era uma versão brasileira de uma piada feita durante a corrida presidencial norte-americana com o candidato republicano, Donald Trump. Nela, é simulada uma conversa pelo WhatsApp entre o candidato e um eleitor, que pergunta quantas curtidas em sua página no Facebook ele quer para desistir das eleições. Na versão brasileira da montagem, Russomanno responde que São Paulo precisa de um prefeito com ele, mas que por 80 mil curtidas, dez mil comentários e cinco mil compartilhamentos, ele desiste.

"Pedimos encarecidamente uma força para salvar o Legadão e colaborar com o Teleton. Com apenas R$ 10 de cada pessoa, já conseguiremos fazer a diferença na vida de muita gente e manter nossa tão querida página no ar", diz a página da campanha de arrecadação de dinheiro online dos três criadores do "Legado da Copa".

Até o final da tarde desta sexta-feira (14), eles haviam arrecadado R$ 3.240,00 dos R$ 7.650,00 pedidos (além da multa, eles têm de pagar os advogados). Caso a arrecadação exceda o valor, eles prometem fazer um cheque para a campanha beneficente Teleton com o restante. A página "Legado da Copa"  tem mais de 300 mil curtidas no Facebook. Está no ar desde julho de 2014, e no começo postava notícias, montagens e sátiras a respeito da Copa do Mundo e seus legados, mas com o tempo diversificou a temática abordada.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo