Esporte

Filho de Muhammad Ali é retido em aeroporto e escuta: 'Você é muçulmano?'

Do UOL, em São Paulo

24/02/2017 19h00

Muhammad Ali Jr., filho do ex-pugilista morto em junho de 2016, ficou retido por duas horas no aeroporto internacional de Fort Lauderdale-Hollywood e, segundo o site “TMZ Sports”, pretende entrar com um processo contra o departamento de imigração norte-americano. Isso porque ele suspeita ter sido interrogado apenas por ser muçulmano.

Por meio de seu porta-voz, Chris Mancini, Ali Jr. relatou que voltava da Jamaica no último dia 7 com Khalilah Ali, sua mãe e primeira esposa do ex-pugilista, quando foi parado por agentes da imigração no aeroporto da Florida. Khalilah foi autorizada a passar, porém Ali Jr. foi chamado para questionamento e ficou retido por duas horas.

Durante o interrogatório, Ali Jr. teria sido perguntado duas vezes se ele é muçulmano e onde ele tinha recebido seu nome. O filho do ex-pugilista tem 44 anos e possui passaporte norte-americano – afinal nasceu no país.

Chris Mancini diz que Ali Jr. planeja processar os departamentos de tesouro e segurança nacional norte-americanos por discriminação. O incidente que motivou a decisão ocorreu depois do decreto de Trump que proibiu a entrada de estrangeiros nascidos na Líbia, Sudão, Iêmen, Somália, Síria, Irã e Iraque.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo