Esporte

Atleta morre após ser atingido por coqueiro em prova de obstáculos

Gustavo Franceschini

Do UOL, em São Paulo

18/03/2017 21h41

O carioca Wagner Carneiro Leão, de 39 anos, morreu, neste sábado, durante a King’s Race, corrida de obstáculos que ocorreu em Vila Velha, no Espírito Santo. A informação veiculada pela Rede Globo foi confirmada pelo UOL Esporte com a organização da prova. Em nota oficial, a empresa explica que o atleta passava por baixo de uma rede que estava amarrada a dois coqueiros quando um deles cedeu e o atingiu de forma fatal.

"A empresa King's Race, organizadora da corrida com obstáculos realizada neste sábado no Rancho Forte, em Morada da Barra, Vila Velha, vem a público lamentar o acidente com o corredor Wagner Carneiro Leão, do Rio de Janeiro. A morte do participante abalou profundamente a equipe organizadora do evento. A empresa informa que está prestando toda a assistência necessária à família de Wagner.", disse a nota oficial. 

Wagner chegou a ser socorrido e levado com vida ao Hospital São Lucas, em Vitória, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a King's Race, o obstáculo que vitimou o atleta era o quinto de um total de 15, em uma prova com cerca de 300 participantes. Antes do acidente, 50 pessoas já teriam passado sem sustos pela árvore. 

"Todos [os obstáculos] foram testados nos dias anteriores ao evento por organizadores e por atletas. Os últimos testes foram realizados ontem [sexta-feira, 17]. A King's Race entrou em contato com o Corpo de Bombeiros sobre a necessidade de liberação dos obstáculos, mas foi informada de que somente obstáculos superiores a cinco metros de altura necessitavam de testes, o que não era o caso", escreveu a organização. 

A morte gerou comoção imediata nas redes sociais de Wagner, com amigos mandando mensagens de pêsames para a família. Músico de profissão, ele já trabalhou como maestro com corais do Rio de Janeiro e tinha a corrida de rua como hobby. Wagner não tinha filhos. 

A King's Race informou que providenciou o deslocamento de parentes de Wagner até o Espírito Santo para liberação e transporte do corpo. A empresa ainda informou que após o acidente o obstáculo foi interditado e a corrida prosseguiu "sem registro de novas ocorrências". 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo