Esporte

Tiger Woods fará serviço comunitário após suposta embriaguez

Palm Beach County Sheriff's Office/Handout via REUTERS
Imagem: Palm Beach County Sheriff's Office/Handout via REUTERS

Do UOL, em São Paulo

09/08/2017 12h18

O jogador de golfe Tiger Woods concordou em prestar serviços comunitários como pena após se envolver em acidente de trânsito, em maio, na Florida. A informação é da rede de notícias “AP”.

Com a decisão, Woods terá de um ano de liberdade condicional. Ele precisará realizar curso de direção defensiva, pagar multa de US$ 250 dólares, prestar serviço comunitário por 50 horas e participar de reuniões com pessoas com deficiência física em virtude de acidentes automobilísticos.

Relato policiais dão conta que o jogador de 41 anos foi encontrado desacordado dentro de seu carro após o veículo atingir um hidrante. Woods teria deixado o carro e tentado andar, mas não conseguia se locomover em linha reta. Ele foi detido, mas liberado sete horas depois.

À Justiça, ele negou que estivesse dirigindo embriagado e informou que perdeu a consciência em razão do uso dos analgésicos Vicodin e Xanax, usados para ansiedade e insônia. Ele acrescenta que a medicação era usada para minimizar as dores da quarta cirurgia nas costas, ocorrida um mês antes do acidente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo