Esporte

Nike patrocinou "retirada" de ciclovia no Parque do Ibirapuera? UOL explica

Reprodução
Afinal, a Nike patrocinou a retirada de uma ciclovia do Parque do Ibirapuera? Imagem: Reprodução

Guilherme Costa

Do UOL, em São Paulo

11/09/2017 18h50

Em evento que contou com a presença do ex-jogador Ronaldo Nazário, 40, a prefeitura de São Paulo e a empresa de material esportivo Nike apresentaram no dia 20 de agosto deste ano o novo campo de futebol do Parque do Ibirapuera, cuja obra foi custeada pela companhia. O que poderia ser apenas motivo para boas imagens do “Fenômeno” com o prefeito João Doria (PSDB), contudo, acabou em uma dor de cabeça: parte da intervenção afetou uma ciclovia no interior do equipamento, e isso foi atribuído à marca norte-americana.

A placa da prefeitura de São Paulo, com brasão do município, é um anúncio de obra. “Retirada da ciclovia”, anuncia o espaço, que também explica que a obra iniciada no dia 18 de julho, com previsão de conclusão em 60 dias, foi realizada pela Topfield e patrocinada pela Nike.

Foi o suficiente para que pululassem em redes sociais posts com críticas à fabricante de material esportivo. A imagem foi compartilhada muitas vezes com a hashtag “#Nikenobike”, seguida por questionamentos como “que vergonha para a marca, hein?” ou “quer dizer que só por não atuarem no ramo do ciclismo deixam de apoiar ou incentivar o esporte?”.

A Nike, contudo, negou ter patrocinado qualquer obra de retirada de ciclovia no Parque do Ibirapuera. Consultada pelo UOL Esporte, a empresa explicou que o único aporte feito por ela no espaço foi a reforma do campo de futebol e a revitalização das pistas de caminhada/corrida, com nova sinalização no circuito.

Ainda de acordo com a Nike, a intervenção na quadra de futebol gerou uma necessidade de impermeabilização de terreno. Por isso, o asfalto da ciclovia foi retirado. Ainda que não tenha sido especificamente patrocinada pela empresa de material esportivo, portanto, a retirada do espaço para bicicletas tem relação direta com a obra original - a permeabilização do espaço decorre da impermeabilização de outra área.

A questão é como essa relação foi comunicada. Segundo a equipe de comunicação do poder público municipal, a placa não é oficial, tem texto incorreto e será removida ainda nesta segunda-feira (11), depois de a foto ter viralizado. Uma nova versão deve ser colocada nas próximas horas. “A prefeitura vai apurar as responsabilidades pela colocação da mensagem e, se necessário, adotará medidas contra quem autorizou a fixação, uma vez que a placa, além de errada, usa padrões gráficos não mais adotados”, disse a atual gestão em nota oficial.

A prefeitura afirmou ainda que a ciclovia, ao contrário do que diz a placa, não será retirada, “mas passará por uma reformulação que praticamente não afetará seu uso”. Em contato com o UOL Esporte, a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente reforçou a manutenção do aparato e lembrou que o trecho permeabilizado, localizado no percurso infantil, já era um espaço que demandava intervenção pelo alto grau de dificuldade.

A Secretaria ainda explicou que haverá um novo projeto de jardim na área em que o asfalto foi retirado e que toda essa obra já estava prevista desde o primeiro edital. Portanto, foi realizada com anuência da Nike.

Enquanto a prefeitura tenta apurar a responsabilidade pela placa, a Nike contabiliza o dano de imagem causado pelo tal patrocínio a uma obra que retira um equipamento esportivo usado pela população – o que por origem seria um contrassenso para uma companhia que vive do segmento esportivo e que já patrocinou nomes como o ciclista norte-americano Lance Armstrong.

A insatisfação da Nike foi ainda maior porque as obras efetivamente bancadas pela empresa no parque enfrentaram restrições de legislação e não puderam ter divulgação ostensiva da marca.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo