Esporte

PF encontra armas e relógios de luxo em casa de ex-presidente do COB

Daniel Marenco/Folhapress
Imagem: Daniel Marenco/Folhapress

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

05/10/2017 12h29

A Polícia Federal encontrou sete armas, munições, R$ 95 mil em espécie (sendo US$ 5 mil) e dez relógios Rolex no endereço atribuído a André Richer, ex-presidente do COB (Comitê Olímpico do Brasil) e aliado de Carlos Arthur Nuzman, presidente da entidade. Richer foi alvo de mandado de busca e apreensão na segunda fase da operação Unfair Play.

"Foram também encontrados 95 mil reais, US$ 5 mil e 10 Rolex. Vamos verificar a procedência destas armas agora", disse Antônio Beaubrun, delegado da Polícia Federal ao UOL Esporte.

Na segunda parte da Operação Unfair Play, desdobramento da Lava Jato, foram decretadas as prisões temporárias de Nuzman e Leonardo Gryner, diretor geral do Comitê Rio 2016.

No pedido de prisão apresentado pelo Ministério Público Federal, Nuzman é acusado de tentativa de ocultação de bens. Também é apontado um aumento de patrimônio de Nuzman de mais de 457% entre os anos de 2006 e 2016.

Como exemplo, o Ministério Público citou uma chave apreendida na primeira fase da operação que poderia corresponder a um cofre na Suíça, considerando que estava guardada junto a cartões de visita de agentes que trabalham como serviço de locação.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo