eSport

Cúpula do COI abre brecha para reconhecer eGames como esporte

Christian Brun/AP
Mídia indoor; wap; celular; TV; bandeira; Olimpíada; Jogos Olímpicos; COI; Comitê Olímpico Internacional; símbolo Imagem: Christian Brun/AP

Do UOL, em São Paulo

31/10/2017 20h21

O debate sobre eGames serem ou não um esporte chegou à mais alta cúpula do mundo no assunto. Durante reunião do Comitê Olímpico Internacional (COI), membros discutiram na cidade de Lausanne (Suíça) a ascensão dos jogos eletrônicos e revelaram que irão se reunir com os responsáveis pela modalidade.

"Os 'eSports' estão mostrando um forte crescimento, especialmente dentro do grupo demográfico juvenil em diferentes países, e podem fornecer uma plataforma para envolvimento com o Movimento Olímpico", explicou o COI em nota publicada nesta terça-feira em seu site oficial.

Para reconhecer o eSports como um esporte, a Cúpula concordou que é preciso se criar "uma organização que garanta o cumprimento das regras e regulamentos do Movimento Olímpico (antidopagem, apostas, manipulação, etc.)".

O reconhecimento positivo fez com que as conversas evoluíssem e a entidade promete entrar em contato com os responsáveis pelo eSports num futuro próximo. "A Cúpula convidou o COI junto com o GAISF para dialogarem com a indústria de jogos e os jogadores para explorar esta área ainda mais e retornar às partes interessadas do Movimento Olímpico no devido tempo".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo