Topo

Esporte

China volta a enfrentar boom de doping e vê aumento de 50% nos casos

Do UOL, em São Paulo

21/12/2017 17h22

A agência chinesa antidoping (Chinada) informou nesta quinta-feira (21) que o número de casos de doping no país aumentou 50% no período de janeiro a novembro, em comparação a 2016. Segundo levantamento, foram 63 testes positivos em cerca de 17 mil realizados.

A Chinada também aumentou em 40% o número de testes realizados em esportistas do país, além de registrar seis tipos de irregularidades quanto ao doping, como a falsificação do passaporte biológico e a oclusão do paradeiro de um atleta.

O número total de testes positivos em humanos foi de 109, mais cinco em cavalos. No entanto, boa parte deles foi consequência do consumo de alimentos adulterados que resultaram na detecção da substância clenbuterol.

Ao longo da temporada, apenas duas atletas chamaram atenção pelas violações nos testes antidoping. Foram elas as levantadoras de peso Liu Chunhong e Cao Lei, que perderam medalhas de ouro conquistadas nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008 após uma punição do Tribunal Arbitral do Esporte (TAS).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte