Topo

Esporte

Piloto de parapente morre durante competição no Espírito Santo

Reprodução
Alessandro Heringer tinha mais de 10 anos de experiência em parapentes Imagem: Reprodução

Bruno Thadeu

Do UOL, em São Paulo

03/04/2018 09h52

O piloto de parapente Alessandro Heringer morreu, na segunda-feira, durante etapa do Pan-Americano da categoria, disputado em Baixo Guandu, no Espírito Santos.

Heringer perdeu controle do parapente pouco depois do salto, provavelmente em virtude de uma turbulência, e caiu em uma área de difícil acesso. Segundo uma pessoa ligada à organização, Heringer ainda tentou acionar o paraquedas, mas não teve êxito.

Um piloto viu a queda de Heringer e comunicou imediatamente o ocorrido. Um helicóptero da organização chegou a ser acionado, mas o atleta já estava sem vida. O corpo foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros e pelo Núcleo de Operações e Transportes Aéreo (NOTAer) por volta das 16h de segunda-feira.

Alessandro Heringer de Jesus era policial civil no Rio de Janeiro, tinha 40 anos, com mais de 10 anos participando de competições de parapente. O corpo do piloto segue nesta terça-feira para o Rio de Janeiro para sepultamento.

Em virtude do falecimento de Heringer, o Pan-Americano de Parapente foi suspenso nesta terça-feira, mas retomará atividades na quarta. A competição termina no sábado.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte