Topo

Esporte


Sem uma das mãos, jogador é selecionado pelos Seahawks e vai para a NFL

Divulgação
Shaquem Griffin durante o NFL Combine 2018 Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

28/04/2018 16h10

Depois de três dias e cinco rodadas, Shaquem Griffin foi escolhido e terá a chance de jogar na NFL. Aos 4 anos de idade, Shaquem teve sua mão esquerda amputada por causa de uma doença congênita, mas seu atletismo, velocidade e instintos fizeram com que o Seattle Seahawks apostasse em seu talento e o escolhesse no Draft.

Shaquem, que jogou pela UCF Knights, Universidade da Flórida Central, foi a escolha de número 141, somente na quinta rodada do Draft de 2018 da NFL. O curioso é que o irmão gêmeo de Shaquem, Shaquill Griffin, já é jogador dos Seahawks.

Mas a escolha no draft não garante que os irmãos joguem juntos. Shaquem provou no Combine, uma espécie de peneira que a NFL promove antes do Draft, que tem velocidade - percorreu 40 jardas (36,5 metros) em 4s38, melhor marca de um jogador de sua posição desde 2003, e que é bem forte - fez 20 repetições levantando 102 quilos com o auxílio de uma prótese.

Mas ele terá que provar que pode jogar com os profissionais. Ele terá dificuldades em se desvencilhar de bloqueios e agarrar os seus adversários, mas os Seahawks acreditam que ele será muito útil no time de especialistas e que pode ser um bom reserva atuando pela franquia de Seattle. Desde 1970, quando começou a era moderna da liga, nenhum jogador amputado foi selecionado no Draft. Com apenas uma mão, Shaquem Griffin pretende estabelecer uma nova era na NFL.

Mais Esporte