Esporte

Arsenal vence e aproveita tropeço do Leicester para se isolar na ponta

02/01/2016 18h14

Londres, 2 Jan 2016 (AFP) - O Arsenal começou 2016 com pé direito, ao derrotar o Newcastle (18º) por 1 a 0, neste sábado, pela 20ª rodada da Premier League e ainda foi premiado com a liderança isolada, por conta do empate sem gols do Leicester (2º) com o Bournemouth (15º).

O time londrino por pouco não foi beneficiado pelo tropeço de outro grande rival na luta pelo título. O Manchester City (3º) passou sufoco, mas conseguiu uma vitória dramática (2-1) sobre o recém-promovido Watford (7º), buscando a virada com dois gols em três minutos no final da partida.

Com o triunfo no Emirates Stadium, o Arsenal chegou aos 42 pontos, dois de vantagem sobre o Leicester, e três sobre o City.

Os comandados de Arsène Wenger ganharam muita moral para alimentar o sonho de acabar com a seca de 12 anos sem levantar o troféu, mas a vitória deste sábado não foi de encher os olhos.

Sem inspiração, os "Gunners" pareciam ter perdido poder de fogo com o desgaste da sequência de partidas do fim de ano, mas conseguiram resolver o jogo na bola parada.

O único gol da partida foi marcado de cabeça pelo zagueiro francês Laurent Koscielny, aos 27 minutos do segundo tempo, em cobrança de escanteio do alemão Mesut Özil, autor da sua 17ª assistência na competição.

"Não estávamos num bom dia. Tivemos que lutar muito, mas conseguimos fazer o necessário para garantir a vitória. Somamos nove pontos em quatro jogos durante este período do Natal, então, posso dizer que cumprimos 75% da nossa meta, por conta da derrota para o Southampton (4-0)", analisou Wenger depois da partida.

Virada relâmpagoSensação da temporada, o Leicester não digeriu bem as festas de fim de ano. Os "Foxes" somaram a terceira partida sem vitória, depois da derrota para o Liverpool (1-0) no "Boxing Day" (26 dezembro) e do empate sem gols com o City, na última terça-feira.

O tropeço foi ainda mais frustrante porque foi dentro de casa, diante de um time do Bournemouth com um a menos em campo por mais de meia hora, com a expulsão do capitão Francis aos 12 da etapa final.

Grandes revelações do campeonato, Riyad Mahrez e Jamie Vardy não estavam com a pontaria em dia. O primeiro desperdiçou um pênalti, e o segundo acertou a trave.

Artilheiro do campeonato, com os mesmos 15 gols do belga Lukaku, do Everton, Vardy não balança as redes há quatro jogos.

"Nunca é legal empatar. Somamos apenas um ponto, mas somamos 40 pontos, o que era o nosso objetivo para toda a temporada (por ser o total necessário normalmente para escapar do rebaixamento), então, vamos beber champanhe hoje!", brincou o técnico do Leicester, o italiano Claudio Ranieri.

Já o City quase foi vítima no novo "caçador de gigantes" da Premier League, o Watford, que em dezembro atropelou o Liverpool por 3 a 0 e arrancou o empate em 2 a 2 com o Chelsea, em pleno Stamford Bridge.

Os "Hornets" saíram na frente aos 10 minutos do segundo tempo, com um gol contra do lateral sérvio Kolarov, que cabeceou para as próprias redes.

O mesmo Kolarov se redimiu aos 37, ao cobrar escanteio na medida para o marfinense Yaya Touré empatar de primeira, e o argentino Sergio Agüero garantiu a virada de cabeça aos 40, em cruzamento da direita de Sagna.

"Minha equipe sempre mostrou caráter, nunca desiste e, nesta noite, demos azar no gol do Watford. Depois, continuamos jogando o nosso jogo, e sempre pensei que tínhamos condições de vencer essa partida", comemorou o técnico chileno dos "Citizens", Manuel Pellegrini.

Na partida que abriu a rodada, o Liverpool (8º), que vive de altos e baixos nesta temporada, voltou a decepcionar. Depois de duas vitórias seguidas, perdeu por 2 a 0 para o West Ham (6º).

Rooney faz históriaEm Upton Park, os "Hammers" saíram na frente logo aos dez minutos de jogo, com um gol de Michail Antonio. O grandalhão Andy Carroll selou o resultado de cabeça, castigando o ex-clube, que defendeu sem muito sucesso de 2011 a 2013.

Carroll traz péssimas lembranças ao "Reds", já que foi comprado a preço de ouro, com parte do dinheiro da venda recorde do espanhol Fernando Torres ao Chelsea, mas anotou apenas seis gols em 44 jogos.

Em outra partida disputada neste sábado, o Manchester United (5º) deu um respiro ao técnico holandês Louis Van Gaal e acabou com uma incômoda freguesia ao vencer o Swansea (17º) por 2 a 1, devolvendo o placar das três derrotas sofridas nos últimos confrontos com o time galês.

O mais importante para os "Red Devils", porém, foi encerrar a sequência de quatro jogos sem vitória, para voltar à briga pelo G4, com 33 pontos, dois atrás do Tottenham (4º), que visita o Everton (11º) no domingo.

O jovem Anthony Martial abriu o placar para o United aos 2 minutos do segundo tempo, mas o islandês Sigurdsson empatou aos 26.

O fantasma da virada voltou a assombrar a torcida em Old Trafford, mas o craque Wayne Rooney deu a vitória aos anfitriões aos 32, com um golaço, seu 238º com a camisa do time de Manchester.

Com esta marca, o atacante de 30 anos se tornou o segundo maior artilheiro da história do United, superando Denis Law (237) e encostando no recorde do lendário Sir Bobby Charlton (249).

Ainda falta um pouco para superar a marca de Alan Shearer, artilheiro absoluto da Premier League (260).

Resultados da 20ª rodada do Campeonato Inglês

- Sábado:

West Ham - Liverpool 2 - 0

Arsenal - Newcastle 1 - 0

Leicester - AFC Bournemouth 0 - 0

Manchester United - Swansea City 2 - 1

Norwich City - Southampton 1 - 0

Sunderland - Aston Villa 3 - 1

West Bromwich - Stoke City 2 - 1

Watford - Manchester City 1 - 2

- Domingo:

(11h30) Crystal Palace - Chelsea

(14h00) Everton - Tottenham

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Arsenal 42 20 13 3 4 34 18 16

2. Leicester 40 20 11 7 2 37 25 12

3. Manchester City 39 20 12 3 5 39 21 18

4. Tottenham 35 19 9 8 2 33 15 18

5. Manchester United 33 20 9 6 5 24 17 7

6. West Ham 32 20 8 8 4 30 23 7

7. Crystal Palace 31 19 9 4 6 23 16 7

8. Liverpool 30 20 8 6 6 22 24 -2

9. Watford 29 20 8 5 7 25 22 3

10. Stoke City 29 20 8 5 7 21 21 0

11. Everton 26 19 6 8 5 35 28 7

12. West Bromwich 26 20 7 5 8 20 25 -5

13. Southampton 24 20 6 6 8 26 24 2

14. Norwich City 23 20 6 5 9 23 32 -9

15. AFC Bournemouth 21 20 5 6 9 22 34 -12

16. Chelsea 20 19 5 5 9 23 29 -6

17. Swansea City 19 20 4 7 9 17 26 -9

18. Newcastle 17 20 4 5 11 19 35 -16

19. Sunderland 15 20 4 3 13 22 39 -17

20. Aston Villa 8 20 1 5 14 16 37 -21.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo