Esporte

Técnico do Real sai em defesa de James: 'rapaz sério'

02/01/2016 18h26

Madri, 2 Jan 2016 (AFP) - Depois de começar o ano perseguido pela polícia a 200 km/h por hora, o meia colombiano James Rodríguez do Real Madrid, recebeu o apoio do técnico Rafael Benítez, neste sábado, na véspera do duelo com o Valencia, pela 18ª rodada da Liga Espanhola.

"Estamos falando sobre um assunto privado. James é um rapaz sério. Ele me forneceu suas explicações, explicou o que aconteceu, e a partida daí, não há nada mais a dizer", comentou o treinador em entrevista coletiva.

O site do diário esportivo AS publicou na sexta-feira fotos do colombiano chegando ao CT do Real, em Valdebebas, ao norte de Madri, seguido por um carro de polícia, com as luzes de emergência ligadas.

"Estávamos perseguindo ele a 200 km/h pela rodovia M-40", explicou uma fonte policial ao AS, sendo que o limite de velocidade era 120 km/h.

De acordo com o jornal, James teria justificado o fato de não ter parado o veículo pelo temor de ser vítima de um sequestro.

O atleta corre o risco de ter sua carteira de habilitação retirada, o que já aconteceu no passado com seu companheiro de equipe Karim Benzema.

James treinou normalmente neste sábado, e deve ser relacionado para enfrentar o Valencia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo