Topo

Esporte

Novo técnico da Roma quer calar críticos com vitória

16/01/2016 19h51

Roma, 16 Jan 2016 (AFP) - O técnico Luciano Spaletti, que voltou ao comando da Roma na quinta-feira, depois da demissão do francês Rudi Garcia, deixou claro neste sábado que o time precisa ganhar logo para reconquistar a confiança da torcida.

Muito querido pelos 'Tifosi', que guardam boas lembranças da sua primeira passagem pelo clube, de 2005 a 2009, Spaletti foi recebido como herói, mas sabe que a situação atual exige resultados imediatos.

"Ou ganhamos logo, ou as mesmos pessoas que me abraçaram ontem, em Fiumicino (aeroporto de Roma) vão me criticar", afirmou o treinador numa entrevista coletiva.

"Os jogadores não têm desculpa. Precisamos tirar o atraso que acumulamos no campeonato", ressaltou Spletti, que fará sua reestreia à frente da equipe no domingo, contra o lanterninha Verona.

A Roma ocupa apenas a quinta posição da Série A italiana, com 34 pontos, dez atrás do líder Napoli.

Spalletti também dez questão de homenagear Rudi Garcia. "Sinto muito pelo meu antecessor. Ele fez coisas boas e bateu recordes. Foi um trabalho maravilhoso, vi esta equipe ter momento esplêndidos", elogiou o italiano.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte