Esporte

Nadal cogita processar ex-ministra francesa que o acusa de doping

11/03/2016 16h32

Barcelona, 11 Mar 2016 (AFP) - Acusado de doping por Roselyne Bachelot, ex-ministra da saúde e dos esportes da França, Rafael Nadal não descarta prestar queixa, informou nesta sexta-feira o tio e treinador do tenista espanhol, chamando a política de "imbecil".

Bachelot, que é comentarista em um programa do canal de TV a cabo francês D8, deixou entender que Nadal fingiu uma lesão para esconder o fato de ter sido flagrado num exame antidoping.

"Sabemos que essa famosa lesão de Nadal, quando ficou parado por sete meses (em 2012), foi certamente 'causada' por um controle positivo", criticou a ex-ministra, que ocupou o cargo de 2007 a 2010, no governo de direita de Nicolas Sarkozy.

"Quando você vê um tenista parado por meses, é que ele foi flagrado no doping. Nem sempre, mas na maioria dos casos", completou Bachelot.

O programa de TV abordou o assunto para comentar o caso da tenista russa Maria Sharapova, que confessou na segunda-feira ter sido pega num exame antidoping durante o Aberto da Austrália, em janeiro.

As declarações passaram praticamente desapercebidas na França, onde o público está acostumado a vê-la soltar o verbo sobre os mais variados temas, mas causaram uma enorme polêmica na Espanha, e até nos Estados Unidos.

Isso porque o próprio Nadal fez questão de rebater as acusações na última quarta-feira, em Indian Wells, na Califórnia, onde disputa um torneio da categoria Masters 1000, a mais importante depois dos Grand Slams.

"Estou começando a ficar cansado com essas acusações. Sou um atleta totalmente limpo", defendeu-se o espanhol.

Seu tio e treinador, Toni Nadal, foi mais exaltado. "Hoje em dia, ao invés de ter que provar a culpabilidade de alguém, temos que provar sua inocência. Então uma pessoa imbecil como ela pode falar qualquer coisa horrorosa e ver no que dá", criticou Toni em entrevista à rádio Rac1, antes de avisar que cogita processar Bachelot.

Nesta sexta-feira, o Comitê Olímpico espanhol saiu em defesa do 'Rei do Saibro', ao lamentar as "declarações infelizes e sem fundamento", da ex-ministra, ressaltando que "Nadal sempre foi submetido com sucesso a inúmeros exames antidoping".

O jornal online El Español denunciou recentemente "ataques contínuas vindas a França contra o esporte espanhol, sem que provas sejam apresentadas".

Em setembro, o astro do basquete Pau Gasol, do Chicago Bulls, queixou-se de uma matéria do jornal francês Le Monde que estabeleceu uma conexão entre ele e um médico acusado de envolvimento num caso de doping no ciclismo.

Em 2012, o governo espanhol reclamou de acusações veladas de uma programa satírico francês que insinuava que Nadal e outros atletas espanhóis eram dopados.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo