Esporte

Arsenal tenta 'o impossível' contra o Barcelona

15/03/2016 16h17

Barcelona, 15 Mar 2016 (AFP) - Há cinco meses invicto e em condições de superar qualquer recorde apresentado, o Barcelona recebe o Arsenal na quarta-feira, na partida de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, com a vantagem do dois gols (2-0) marcados em Londres, na ida.

O técnico Luis Enrique reconheceu no sábado, após golear por 6 a 0 o Getafe, numa partida em que poupou o craque uruguaio Luis Suárez, que sua equipe está "em condições perfeitas" para o confronto decisivo diante do Arsenal, no qual tentará dar continuidade ao objetivo de defender o título europeu conquistado no ano passado.

"Posso estar errado, mas nunca arriscamos", explicou Luis Enrique, referindo-se ao fato de ter poupado Suárez, um dos membros do ataque 'MSN' ao lado de Lionel Messi e Neymar, que jogou "850.000 jogos", nas palavras do técnico.

O uruguaio, autor de 42 gols em todas as competições nesta temporada, estará descansado para o embate europeu diante dos 'Gunners'.

Desde que chegou ao Barça para a temporada 2014-15, Luis Enrique, 45 anos, precisou lidar com os problemas extracampo de seus craques, especialmente os processos da Receita espanhola contra Neymar e Messi por suposta sonegação de impostos.

"Durante as turbulências, é preciso apertar o cinto, como no avião, e ficar tranquilo à espera que passe", explicou o treinador. Seguindo esse lema, Luis Enrique comanda um elenco que aspira ser a primeira equipe a conquistar dois títulos seguidos da Liga dos Campeões desde o Milan de Arrigo Sachi, em 1989 e 1990.

- '5% para nós' -Os catalães estão invictos nas últimas 37 partidas contando todas as competições. "É uma equipe única", reconhece Luis Enrique, que afirma não dar muita bola para recordes, já que não ajudam a vencer partidas.

"Um recorde não me diz nada. É dos títulos que podemos falar, é dos títulos que lembramos", declarou.

Contra o Arsenal, o Barcelona buscará sua décima vitória consecutiva em casa na Liga dos Campeões, recorde do clube, para garantir sua 9ª classificação seguida às quartas de final da competição continental.

Para facilitar a vida do poderoso Barça, o Arsenal não atravessa boa fase, sendo eliminado no domingo nas quartas de final da Copa da Inglaterra pelo modesto Watford (2-1), desperdiçando a chance de se tornar a primeira equipe a conquistar a competição mais antiga do mundo três vezes seguidas.

"São 95% de chances de classificação para eles e 5% para nós", reconheceu o técnico do Arsenal, o francês Arsène Wenger.

Os 'Gunners' não guardam lembranças muito saudados das últimas visitas ao Camp Nou. Em 2010, foram goleados por 4 a 1, com direito a quatro gols de Lionel Messi, na partida de volta das quartas de final da Champions. No ano seguinte, na volta das oitavas de final, a derrota foi por 3 a 1, com Messi marcando 'apenas' duas vezes.

-Prováveis escalações

Barcelona: Ter Stegen - Alves, Mascherano, Mathieu, Alba - Rakitic, Busquets, Iniesta - Messi, Suarez, Neymar

T: Luis Enrique

Arsenal: Ospina - Bellerin, Mertesacker, Gabriel (ou Koscielny), Monreal - Coquelin, Flamini (ou Elneny) - Walcott, Özil, Sanchez - Welbeck (ou Giroud)

T: Arsène Wenger (FRA)

Árbitro: Sergei Karasev (RUS.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo