Esporte

Zidane exalta união do Real a virada épica sobre o Barça

02/04/2016 19h19

Barcelona, 2 Abr 2016 (AFP) - O francês Zinedine Zidane não escondeu a emoção com a vitória por 2 a 1 sobre o Barcelona em pleno Camp Nou no seu primeiro clássico como treinador do Real Madrid, exaltando a união do seu time na adversidade.

"Adorei tudo que meus jogadores fizeram, tanto ofensivamente quanto defensivamente, diante de um grande time. Ver a equipe unida dessa forma, com cada um lutando pelo outro, é a melhor coisa que pode acontecer para um treinador", vibrou 'Zizou' em entrevista coletiva.

O ex-craque já ostentava um bom retrospecto em clássicos como jogador, com três gols marcados, quatro vitórias, quatro empates e três derrotas em 11 jogos.

"Vocês repararam que não escondi minhas emoções, sou assim quando estou na beira do gramado", brincou o francês, conhecido por ser bastante discreto e tímido.

"Às vezes, as reações parecem meio exageradas, mas não posso controlar isso. Vivo o jogo com intensidade total", lembrou o treinador, que ficou visivelmente abalado com o gol de Piqué, no início do segundo tempo, mas comemorou com muita empolgação a virada, que veio dos pés de Benzema e Cristiano Ronaldo.

Mesmo com a vitória inesperada, que acabou com uma série invicta recorde de 39 jogos do Barça, Zidane sabe que as chances de título continuam muito remotas.

"Continuamos em terceiro lugar, a sete pontos do líder. Agora, só temos que pensar no próximo jogo (contra o Wolfsburg, na quarta-feira, pelas quartas de final da Liga dos Campeões)", completou o francês.

Seu colega Luis Enrique também fez questão de destacar que seus pensamentos já estão totalmente voltados para a próxima partida, na terça-feira, contra o Atlético de Madri, também pela Champions.

"Essa partida já não existe mais, não tem motivos para sentir dor. Temos que levantar a cabeça e pensar na Champions. Descansar bem, e lembrar que ainda somos os líderes" comentou o treinador do Barça.

"Uma derrota sempre ensina coisas, ensina, por exemplo, que conquistar um título é muito difícil", afirmou.

"Estou feliz com a atitude dos meus jogadores, mas não com o resultado. E empate teria sido mais nomal", completou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo