Esporte

Nadal bate Murray e pega Monfils na final em Monte Carlo

16/04/2016 13h27

Monte Carlo, Principado de Mônaco, 16 Abr 2016 (AFP) - Longe de estar no auge da sua carreira, Rafael Nadal mostrou que ainda é o 'Rei do Saibro' ao garantir neste sábado sua vaga na grande final do Masters 1000 do Monte Carlo, com vitória de virada por 2-6, 6-4 e 6-2 sobre o britânico Andy Murray, número 2 do mundo.

Quinto cabeça de chave do torneio do Principado, o espanhol decidirá o título com o francês Gaël Monfils, que atropelou o compatriota Jo-Wilfried Tsonga em dois sets, com parciais de 6-1 e 6-3.

"Fui muito complicado, mas lutei muito. É uma das quadras mais importantes da minha carreira", vibrou Nadal, que disputará a centésima final da sua carreira no circuito da ATP, a décima em Monte Carlo.

O espanhol venceu a competição oito vezes seguidas, de 2005 a 2012, mas a série incrível acabou em 2013, quando amargou o vice-campeonato diante do atual número 1 do mundo Novak Djokovic.

O tenista de 29 anos não disputa uma final de Masters 1000 desde maio 2015, quando perdeu justamente para Murray, que levou o troco neste sábado.

Também foi na capital espanhola que Nadal conquistou seu último título dessa categoria, a segunda mais importante depois dos Grand Slams. Há duas semanas, ele foi desbancado por Djokovic no ranking dos maiores vencedores de Masters 1000 de todos os tempos. Se triunfar em Monaco, ele se igualará ao sérvio, com 28 títulos cada.

Show de 'Rafa'A semifinal deste sábado foi de altíssimo nível, com muita intensidade, e confirmou e volta por cima do espanhol.

'Rafa' começou cometendo muitos erros, deixando escapar o primeiro set, diante de um Murray impecável no fundo da quadra.

Foi no segundo set que o público da quadra Rainier III reencontrou o 'Rei do Saibro'. Com golpes de maior profundidade, Nadal afastou o escocês da sua linha, e deu um show de deixadinhas e passadas, lembrando os tempos em que não tinha rivais à altura neste piso.

Monfils não deve ter vida fácil neste domingo. O francês, que também tem 29 anos, disputará sua terceira final de Masters 1000, depois de amargar dois vice-campeonatos em Paris, em 2009 e 2010.

Na semi, Tsonga nunca conseguiu entrar no ritmo da partida e cometeu nada menos de 37 erros não forçados.

Nadal venceu 11 dos 13 jogos que disputou contra Monfils, com retrospecto de 3 a 0 no saibro. O francês ocupa a 16ª posição no ranking da ATP, o primeiro tenista fora do Top-10 a chegar à final em Monte Carlo.

O último tinha sido justamente Nadal, em 2005, na primeira vez em que conquistou o título, com apenas 18 anos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo