Esporte

Liga Espanhola pega fogo e Juve pode esfriar o suspense na Itália

18/04/2016 15h41

Paris, 18 Abr 2016 (AFP) - As competições continentais dão trégua nesta semana na Europa, mas a bola continua rolando nos quatro cantos do continente, com destaque para uma rodada explosiva na Espanha, onde a disputa pelo título ficou acirrada com o desmoronamento do Barcelona.

A Itália também terá jogos importantes, com a Juventus cada vez mais perto de garantir o quinto 'Scudetto' consecutivo, enquanto França e Alemanha definem os finalistas das copas nacionais.

A Premier League inglesa terá cinco jogos atrasados de rodadas anteriores, com Arsenal e Manchester City lutando à distância pela classificação direta na Liga dos Campeões.

Barça busca retomada na GalíciaAtual campeão espanhol, mundial e europeu, o time catalão foi do céu ao inferno em três semanas. No fim de março, Messi e companhia pareciam imbatíveis, com tudo para repetir a 'tríplice coroa' da temporada passada.

Lideravam a Liga Espanhola com folga, estavam classificados para as quartas de final da Champions e para a decisão da Copa do Rei.

Mas abril reservava uma acumulação de péssimos resultados, começando com a derrota por 2 a 1 no clássico contra o Real Madrid, no primeiro jogo do mês, em pleno Camp Nou.

A série invicta de 39 jogos deu lugar a uma sequência de três derrotas seguidas no campeonato nacional e a eliminação da Liga dos Campeões contra o Atlético de Madri.

Desgaste físico, azar do calendário: muitos fatores podem explicar o desmoronamento dos comandados de Luis Enrique, mas o fato é que o trio 'MSN' está irreconhecível desde o início de abril.

Em cinco jogos, foram apenas dois gols de Suárez, um de Messi e nenhum de Neymar.

No domingo, o craque argentino anotou o 500º gol da sua carreira, mas o que deveria ter sido celebrado como uma marca histórica acabou sendo ofuscado pela derrota por 2 a 1 para o Valencia que colocou fogo no campeonato.

Com o tropeço, o time catalão deixou de ser líder isolado, dividindo a ponta com o Atlético, enquanto o Real está logo atrás, com um pontinho a menos que os rivais.

Os três times que brigam pelo título jogam nesta quarta-feira e não devem ter vida fácil.

O Barça será o primeiro a entrar em campo, no campo do Deportivo La Coruña, um adversário sempre indigesto quando joga no Riazor.

O técnico Luis Enrique já deixou claro que será preciso "vencer cinco finais" para conquistar o bicampeonato.

Os time madrilenhos terão duelos ainda mais complicados. O Atlético terá que encarar a fanática torcida do Athletic Bilbao na 'Catedral' de San Mames, enquanto o Real recebe o quarto colocado Villarreal, para o qual perdeu por 1 a 0 no primeiro turno, em dezembro.

Ao contrário dos rivais, o time 'Merengue' tem a vantagem de jogar em casa, onde marcaram nada menos de 35 gols em oito partidas sob o comando de Zinedine Zidane, uma média incrível de 4,4 por jogo, sofrendo apenas uma derrota, no dérbi contra o Atlético (1-0).

Também foi no estádio Santiago Bernabéu que conseguiram a 'Remontada' épica contra o Wolfsburg na semana passada, na Liga dos Campeões, ao vencer por 3 a 0, com três gols de Cristiano Ronaldo, depois da derrota por 2 a 0 na Alemanha.

Juve com a mão na taçaDepois de uma disputa acirrada rodada após rodada, o Napoli perdeu fôlego e entregou o pentacampeonato de bandeja para a 'Velha Senhora'.

No último fim de semana, o time de Turim aumentou para nove pontos a vantagem sobre os napolitanos, ao golear o Palermo por 4 a 0 no domingo, após o vice-líder ser derrotado pro 2 a 0 pela Inter de Milão no sábado.

Faltando cinco jogos para o fim do campeonato, o pentacampeonato da Juve é apenas questão de tempo, até porque o Napoli terá que disputar mais um jogo sem o artilheiro Gonzalo Higuaín, nesta terça-feira, contra o Bologna.

No início do mês, o argentino foi suspenso por três partidas por ter perdido a cabeça na derrota por 3 a 1 para a Udinese, que foi o início do fim para o time do sul da Itália.

Para o Napoli, o principal objetivo da temporada virou a classificação direta para a Liga dos Campeões. Para isso, precisa terminar em segundo lugar, mantendo à distância a Roma (3º), que tem cinco pontos a menos.

A Juve entra em campo na quarta-feira, contra o outro time da capital, a Lazio, que brilhou na temporada passada, terminando no pódio da Série A, mas não consegue sair do meio da tabela nesta edição.

A Roma também precisa olhar no retrovisor, porque viu a diferença para a Inter (4º) cair para quatro pontos.

O time 'giallorosso' terá que superar as tensões entre o técnico Luciano Spalletti e o eterno capitão Francesco Totti diante do Torino, enquanto o time milanês visita o Genoa.

Na Premier League inglesa, o intervalo entre as quartas e as semifinais das competições continentais servirá para a disputa de jogos adiados por conta da participação de clubes das copas nacionais.

O líder Leicester e o vice Tottenham não jogam, mas a semana terá jogos importante para a atribuição das vagas para a Liga dos Campeões.

Arsenal (3º) e Manchester City (4º), que têm os mesmos 60 pontos, 13 a menos que o Leicester, enfrentam West Bromwich e Newcastle, respectivamente.

O Manchester United (5º, com 56 pontos) ainda sonha com o G4, mas precisa vencer o Crystal Palace para não ficar fora da disputa pela Champions.

PSG e Bayern de olho na 'tríplice coroa'Parisienses e bávaros ainda têm a possibilidade de fechar a temporada com três troféus, mas o time alemão está numa situação mais invejável, porque ainda é candidato à conquista do maior de todos, a 'Taça orelhuda' da Liga dos Campeões.

Eliminado pelo Manchester City na competição continental, o PSG tem que se contentar em tentar repetir a trinca nacional do ano passado.

Essa semana será decisiva para os parisienses, que decidem no sábado o título da Copa da Liga contra o Lille, mas já entram em campo na terça-feira, contra o Lorient, nas semifinais da Copa da França.

A final da 'Coupe de France' pode ter o maior clássico do país, desde que o Olympique de Marselha consiga sair da crise para despachar o Sochaux, da segunda divisão, o que não deve ser tão fácil para um time que não vence há dez jogos na Ligue 1.

A Alemanha também vive na expectativa de uma decisão explosiva entre Bayern de Munique e Borussia Dortmund na 'Pokal', mas por isso os favoritos precisam eliminar Werder Bremen e Hertha Berlim, respectivamente.

Principais jogos do meio de semana no futebol europeu:

--Campeonato Espanhol (34ª rodada):

-Quarta-feira:

(15h00) Deportivo La Coruña - Barcelona

(15h45) Athletic Bilbao - Atlético de Madri

(17h00) Real Madrid - Villarreal

--Campeonato Italiano (34ª rodada)

- Terça-feira:

(15h45) Napoli - Bologna

- Quarta-feira:

(15h45) Udinese - Fiorentina

Empoli - Hellas Verona

Roma - Torino

Juventus - Lazio

Genoa - Inter

- Quinta-feira:

(15h45) Milan - Carpi

--Campeonato Inglês (jogos atrasados da 27ª e da 30ª rodada):

-Terça-feira:

(15h45) Newcastle - Manchester City

-Quarta-feira:

(16h00) Liverpool - Everton

Manchester United - Crystal Palace

-Quinta-feira:

(15h45) Arsenal - West Bromwich Albion

--Copa da Alemanha (semifinais)

-Terça-feira:

(15h30) Bayern Munich - Werder Brême

-Quarta-feira:

(15h30) Hertha Berlin - Dortmund

--Copa da França (semifinais):

-Terça-feira

(16h00) Lorient - Paris SG

-Quarta-feira

(16h00) Sochaux (D2) - Olympique de Marselha.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo