Esporte

Ranieri, a vingança do 'perdedor simpático'

02/05/2016 20h38

Londres, 2 Mai 2016 (AFP) - "Claudio Ranieri, é sério?!" - zombou Gary Lineker quando o italiano com reputação de 'vice eterno' foi contratado para comandar o Leicester. Ao final de uma temporada inacreditável, o simpático treinador de 64 anos calou os críticos e protagonizou uma das maiores surpresas da história do futebol.

"Ranieri claramente tem experiência, mas é uma escolha pouco inspirada", disse Lineker, craque da década de 80 natural da cidade de Leicester.

"É um cara legal, mas depois do que aconteceu na Grécia, estou surpreso com o retorno dele na Premier League", concordou o ex-colega Harry Redknapp.

Até segunda-feira, o italiano carregava uma incômoda fama de perdedor, principalmente na Inglaterra, onde treinou o Chelsea durante quatro anos (2000-2004) sem conquistar um título sequer.

Na última temporada, a primeira da era Abramovitch, o bilionário russo que investiu uma fortuna no clube, Ranieri amargou o vice-campeonato na Premier League e chegou às semifinais da Liga dos Campeões.

Como Redknapp bem lembrou, a última experiência do italiano antes do retorno à Inglaterra foi no comando da seleção grega, onde permaneceu apenas quatro meses, antes de ser demitido no dia 15 de novembro de 2014.

No mesmo ano, antes da experiência na Grécia, ele amargou mais um vice-campeonato, com o Monaco, outro um time cujo proprietário é um bilionário russo.

Quando foi contratado pelo Leicester, em julho do ano passado, sua chegada não foi vista com bons olhos, até porque substituiu Nigel Pearson, alçado ao status de herói local por salvar do rebaixamento um time que era lanterninha em abril.

Apesar da desconfiança, Ranieri surpreendeu a todos ao dar ao pequeno time dos Midlands seu primeiro título de campeão inglês em 132 anos de história.

- Exemplo de superação -Quando souberam que seriam treinados por um italiano, os jogadores chegaram a temer a chegada de um tirano obcecado por tática, mas acabaram se deparando com um 'paizão' que os conquistou com sua mente aberta.

Ranieri caiu nas graças do elenco ao prometer que pagaria pizzas para tudo mundo no primeiro jogo sem gol sofrido e não hesitou em dar dois dias de folga por semana aos atletas.

O italiano ainda teve a inteligência de não colocar pressão nos jogadores, até mesmo quando a perspectiva do título se aproximava.

A filosofia foi encarar o campeonato etapa por etapa, primeiro com os 40 pontos necessários para se manter na primeira divisão, para depois pensar na classificação para a Liga dos Campeões, admitindo a ambição do título apenas na semana passada.

Com o exemplo de superação, ele espera inspirar pessoas ao redor do mundo. "Não importa o que aconteça no fim da temporada, acredito que nossa história é importante para todos os fãs do futebol pelo mundo", escreveu o técnico italiano no início do mês passado, no site The Players' Tribune.

"Nossa história dá esperança a todos os jovens jogadores que ouviram que não eram bons o suficiente".

O conto de fadas teve um final feliz e a carruagem guiada por Ranieri não se transformou em abóbora. Não haverá camarão na moranga em Leicester, mas o torcedor pode comemorar o título ao degustar a salsicha Ranieri, batizada por um açougue da cidade em homenagem ao treinador.

No auge da sua carreira, o italiano prefere não falar em revanche sobre o destino. "Não existe revanche. Sou o mesmo homem. Se eu era estúpido antes, ainda sou".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo