Esporte

Curry é eleito MVP da NBA pelo segundo ano seguido

10/05/2016 16h09

Nova York, 10 Mai 2016 (AFP) - O astro Stephen Curry, do Golden State Warriors, foi eleito nesta terça-feira jogador mais valioso (MVP) da temporada 2015-2016 da NBA, prêmio que já tinha levado no ano passado, quando se sagrou campeão com a franquia californiana.

Pela primeira vez da história, o MVP foi escolhido em unanimidade, ficando em primeiro lugar em todos os 131 votos, somando 1.310 pontos, mais do dobro dos perseguidores, Kawhi Leonard, do San Antonio Spurs (634), e Lebron James, do Cleveland Cavaliers (631).

O armador de 28 anos voltou de lesão na última segunda-feira, na vitória por 132 a 125 do Warriors sobre o Portland Trail Blazers que deu ao seu time vantagem de 3 a 1 na semifinal da Conferência Oeste.

O retorno foi em grande estilo, já que Curry marcou nada menos de 40 pontos, 17 deles apenas na prorrogação.

"Curry é o jogador mais espetacular da atualidade e mostrou isso mais uma vez na noite de ontem", vibrou o lendário Magic Johnson nesta terça-feira no Twitter.

"Ele só havia disputado uma partida em três semanas então eu pensava que pudesse estar enferrujado. Ninguém poderia ter previsto tamanha explosão", elogiou o técnico do time californiano, Steve Kerr.

"Demorei um pouco para entrar no ritmo do jogo, mas acabei conseguindo", comentou Curry, lacônico.

- Elogios de Lebron e Obama -O armador começou no banco contra o Blazers e entrou no meio do primeiro quarto, quando seu time perdia por 16 a 2, e acabou jogando 37 minutos.. Ele realmente mostrou certa dificuldade no início, errando vários arremessos, mas acordou de forma espetacular na reta final.

Com Curry no auge da sua forma, o Warriors fez uma temporada regular espetacular, quebrando o recorde de vitórias da NBA (73).

Cestinha da liga, com media de 30,1 pontos por partida, o craque pulverizou o próprio recorde de cestas de três pontos, que passou de 286 no ano passado para 402 nesta temporada.

Curry se tornou o 11º jogador a ser eleito MVP por dois anos seguidos, imitando lendas do esporte, como Michael Jordan, Kareem Abdul-Jabbar, Wilt Chamberlain, Magic Johnson, Larry Bird ou o próprio Lebron James, que, ao que tudo indica, será mais uma vez seu grande rival na final da NBA.

"Cara, você tem que parar com isso! É alucinante. Nunca vi alguém como ele na história do jogo", elogiou Lebron, que nasceu no mesmo hospital que o craque do Warriors, na cidade de Akron, no Ohio.

Até mesmo o presidente americano Barack Obama, grande fã de basquete, se rendeu ao talento de Curry. "Ver Steph jogar é algo incrível. Para quem gosta desse esporte, é algo realmente impressionante", elogiou o chefe de Estado em fevereiro.

A recuperação de Curry da lesão no joelho que o tirou de várias partida de playoffs também é uma ótima notícia para o torcedor brasileiro, que deve poder vê-lo de perto em agosto, nos Jogos Olímpicos do Rio-2016.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo