Esporte

Wada irá investigar novas acusações de doping contra atletas russos

10/05/2016 16h00

Paris, 10 Mai 2016 (AFP) - A Agência Mundial Antidoping (Wada) anunciou nesta terça-feira a abertura imediata de uma investigação a respeito dos supostos casos de doping de quatro atletas russos campeões olímpicos de inverno em Sochi-2014, revelados no domingo em reportagem da emissora americana CBS.

"A Wada irá investigar essas novas alegações imediatamente", garantiu o presidente da entidade, Craig Reedie, em comunicado.

"As acusações feitas pela reportagem oferecem motivos reais de preocupação, já que contêm alegações em relação a tentativas de subversão do programa antidoping dos Jogos de Sochi", completou.

Na reportagem, que fez parte do famoso e respeitado programa investigativo "60 minutes", Vitali Stepanov, responsável pelas denúncias que originaram o escândalo que abalou o mundo do atletismo em novembro do ano passado, revela ter gravações de conversas via Skype com o ex-diretor do laboratório antidoping de Moscou (Rusada) Grigory Rodchenkov.

Este teria afirmado a Stepanov possuir uma lista de atletas que fizeram uso de doping nos Jogos de Inverno de 2014, na qual estariam o nomes de quatro campeões olímpicos russos.

No comunicado, Reedie garantiu que a Wada interrogou Rodchenkov em meio à investigação independente realizada no ano passado, mas que o ex-diretor da agência antidoping russa não divulgou qualquer informação relacionada aos Jogos de Sochi.

O Ministro de Esportes da Rússia, Vitali Moutko, reagiu na segunda-feira às acusações apresentadas pela reportagem, lembrando que o programa foi ao ar "internacionalmente antes da reunião de diretores e de fundadores da Wada. Nada disso foi por acaso".

Vitali Stepanov, ex-funcionário da Rusada, e sua esposa, a ex-atleta Yulia Stepanova, se mudaram para os Estados Unidos por medo de represálias, a exemplo de Grigory Rodchenkov.

A Wada reunirá na quarta-feira em Montreal seu Comitê Executivo e seu conselho de fundadores.

Por conta de acusações de "doping organizado" no atletismo, a Rússia foi banida de todas as competições internacionais e corre sério risco de ficar fora da modalidade nos Jogos Olímpicos do Rio-2016.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo