Esporte

Técnico da Argentina confia na capacidade de Messi para superar frustrações

11/05/2016 21h05

Buenos Aires, 12 Mai 2016 (AFP) - Apesar da frustração pelos vice-campeonatos com a seleção argentina e pela eliminação recente do Barcelona na Liga dos Campeões, o craque Lionel Messi ainda é o grande trunfo do técnico Gerardo Martino para acabar com o longo jejum de títulos dos 'Hermanos'.

"Conversei com Leo há 15 dias. É verdade que perdemos duas finais. Mas as atuações que ele teve nas últimas partidas - contra Bolívia (2-0) e Chile (2-1) - são suficientes para dizer que ele sempre tem condições de decidir partidas", declarou 'Tata' Martino em entrevista à emissora ESPN Radio.

As duas vitórias citadas pelo treinador foram válidas pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, e colocaram a Argentina na zona de classificação, em terceiro lugar, depois de um início desastroso.

A seleção principal da Argentina sofre um longo jejum de 23 anos sem título, desde a Copa América de 1993. Nos dois últimos anos, amargou dois vice-campeonatos, na Copa do Mundo no Brasil-2014 e na Copa América do Chile-2015.

A espera pode acabar em junho deste ano, com a Copa América do Centenário, nos Estados Unidos.

Na segunda-feira, Messi admitiu à ESPN que está incomodado por não ter levantado um troféu com a camisa do seu país.

'La Pulga' também reconheceu que a eliminação nas quartas da Champions pelo Atlético de Madri, no mês passado, foi "um duro golpe".

"Diante de uma derrota importante, qualquer jogador se sente afetado, mas é importante observar quanto tempo leva para se recuperar. Com jogadores da classe de Messi, esse processo é sempre mais curto", analisou Martino.

"Ele teve uma queda de rendimento no Barça, mas também vimos o que aconteceu no último fim de semana (goleada de 5 a 0 sobre o Espanyol, com golaço de falta de Messi). Sobre sua qualidade futebolística, não há nenhuma dúvida. Do ponto de vista pessoal, é normal que esteja abalado, mas isso vai ser logo solucionado", completou o treinador.

A Argentina integra o grupo D da Copa América do Centenário, junto com Panamá, Bolívia e Chile, para o qual perdeu a final do último torneio continental.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo