Esporte

Dirigente da Fifa renuncia por discordar do rumo das reformas

14/05/2016 13h32

México, 14 Mai 2016 (AFP) - O presidente da comissão de auditoria e conformidade da Fifa, Domenico Scala, renunciou ao cargo neste sábado, para protestar contra a aprovação de uma medida, que, segundo ele, coloca em risco a independência de órgãos responsáveis por fiscalizar membros da entidade.

O dirigente decidiu deixar a função no dia seguinte ao 66º congresso da Fifa, no México, no qual o novo presidente Gianni Infantino conseguiu a aprovação de uma emenda que dá ao braço executivo o poder de demitir membros da comissão de ética e outros órgãos que investigam irregularidades.

"Estou consternado com essa medida, que coloca em xeque um pilar fundamental da boa governança e destrói um dos principais avanços das reformas. Por isso anuncio minha renúncia imediata", justificou.

"O congresso de sexta-feira deu ao Conselho (nova versão do comitê executivo) o poder exclusivo de nomear ou demitir membros de órgãos de fiscalização independentes, como a comissão de ética, e comissão de apelação, a comissão de auditoria e conformidade", explicou.

"Com esta decisão, o Conselho pode travar investigações contra membros da Fifa a qualquer momento, ao demitir membros de comissões ou ameaçando demiti-los", completou.

A comissão de ética da Fifa, que é formada por juízes profissionais, desempenhou um papel essencial na crise institucional que abala a entidade, ao suspender o ex-presidente Joseph Blatter e o principal candidato à sua sucessão, Michel Platini.

Vários outros candidatos foram banidos, como o americano Chuck Blazer, ex-membro do comitê executivo e pivô do mega escândalo de corrupção, por ser um dos primeiros a aceitar colaborar com as autoridades do seu país, que investigam o pagamento de milhões de dólares em propinas na atribuição de direitos de transmissão.

Em meio à crise, que estourou há quase um ano, a Fifa adotou em fevereiro uma série de reformas para melhorar a transparência e a governança, mas dirigentes importantes Scala já temem pela independência de órgãos fundamentais na luta contra a corrupção.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo