Esporte

Chelsea e Tottenham recebem multas somadas de R$ 3 milhões por indisciplina

Dylan Martinez/Reuters
Terry durante disputa com Harry Kane: clássico londrino tenso em maio Imagem: Dylan Martinez/Reuters

16/05/2016 15h08

Chelsea e Tottenham foram punidos, respectivamente, com multas de 375.000 libras (cerca de R$ 1,9 milhão) e 225.000 libras (cerca de R$ 1,1 milhão) pelos incidentes no clássico de 2 de maio, anunciou nesta segunda-feira a federação inglesa. Na soma entre os clubes, a punição tem valor próximo a R$ 3 milhões. 

Neste clássico tenso entre jogadores e técnicos, em que foram registradas agressões físicas, o Chelsea havia conseguido acabar com a desvantagem de dois gols e empatar (2 a 2) com o Tottenham em Stamford Bridge, resultado que assegurava o título de campeão ao Leicester sobre.

Os dois clubes foram punidos por "não terem controlado seus jogadores e membros da equipe técnica", afirmou a federação em um comunicado.

Tottenham e Chelsea foram também "avisados sobre sua conduta no futuro", acrescentou o texto.

O clássico londrino foi particularmente violento, e 12 jogadores foram advertidos com cartão amarelo: 9 do Tottenham, um recorde na Premier League, e 3 do Chelsea.

Entre os jogadores responsáveis por atos violentos, o meio-campo belga do Tottenham, Moussa Dembélé, pôs os dedos nos olhos do atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa.

A agressão não foi vista pelo árbitro, mas a federação o suspendeu com seis partidas em 6 de maio.

Durante o jogo, o treinador do Tottenham, Mauricio Pochettino, teve que interferir para separar seu lateral-esquerdo Danny Rose e o meio-campo do Chelsea, Willian.

A confusão continuou após o apito final com incidentes em que se envolveram jogadores e membros da equipe técnica, como o treinador do Chelsea, Guus Hiddink, que foi empurrado e caiu no chão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo