Esporte

Serena e Muguruza vencem e reeditam final de Wimbledon em Roland Garros

03/06/2016 12h16

Paris, 3 Jun 2016 (AFP) - A americana Serena Williams, líder do ranking mundial, derrotou nesta sexta-feira a holandesa Kiki Bertens (58ª classificada na WTA) por 2-0 (7-6 (9/7) e 6-4) e avançou para sua quarta final em Roland Garros, na qual enfrentará a espanhola Garbiñe Muguruza.

Campeã do torneio parisiense em 2002, 2013 e 2015, a americana de 34 anos terá como rival na decisão de sábado a espanhola Muguruza, que em sua semifinal derrotou a australiana Samantha Stosur (6-2 e 6-4).

Se vencer, a número um do mundo conquistará seu 22ª título em Grand Slams, igualando a marca da alemã Steffi Graf, maior vencedora da era aberta, com dois a menos que a recordista absoluta, a australiana Margaret Court.

-'Nada a perder'-Serena e Muguruza já se enfrentaram numa grande final em julho do ano passado, com vitória por duplo 6-4 da veterana.

Mas a espanhola também conhece o caminho das pedras, já que foi revelada ao grande público ao derrotar a americana por duplo 6-2 na semifinal de Roland Garros, em 2014.

"Na última vez que nos enfrentamos aqui, ela venceu. Odeio perder, mas procuro fazer com que essas derrotas sirvam de aprendizado", lembrou Serena.

Pelo que vem mostrando ao longo do torneio, a promessa de 22 ans parece ter as armas para surpreender a líder do ranking novamente.

Depois de despachar Stosur em apenas 1h16, ela prometeu "muita guerra" na decisão.

"Eu realmente queria ganhar esse jogo, contra uma adversária que já fez uma final aqui (a australiana foi vice-campeã em 2010). Jogar uma final de Grand Slam é incrível, mas ganhar uma é o motivo pelo qual treinamos todo dia", explicou a espanhola nascida na Venezuela.

"Vou enfrentar a número um do mundo e não vou ter nada a perder. Vou ter que manter a calma e dar tudo para não me arrepender", completou.

- Primeira finalista espanhola em 16 anos -Excepcionalmente, as duas partidas aconteceram de forma simultânea, uma na quadra Philippe Chatrier, outra na Suzanne Lenglen, por causa da chuva que atrapalhou toda a programação.

Depois da batalha de quinta-feira para derrotar a cazaque Yulia Putintseva (0ª) de virada por 5-7, 6-4 e 6-2, Serena voltou a sofrer diante de uma tenista acima do top-50.

Bertens (59ª), que disputava aos 24 anos sua primeira semifinal de Grand Slam, chegou a ter dois sets points na primeira parcial, depois de abrir vantagem de 5-3, mas acabou perdendo no tie-break.

No segundo set, a holandesa também saiu na frente (2-0), mas começou a sentir dores na panturrilha e acabou cedendo diante da potência da americana no fundo da quadra.

Já Muguruza conseguiu impor seu jogo sem problemas, fechando o primeiro set em 6-2 e abrindo 5-2 no segundo, mas teve certa dificuldade para fechar, perdendo um jogo de saque antes de carimbar a vaga.

Ela se tornou a primeira espanhola finalista de Roland Garros desde Conchita Martínez, derrotada pela francesa Mary Pierce em 2000.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo