Esporte

Copa América: Venezuela ganha e coloca Uruguai na UTI

09/06/2016 23h27

Filadélfia, Estados Unidos, 10 Jun 2016 (AFP) - A Venezuela obteve nesta quinta-feira uma histórica vitória sobre o Uruguai, por 1 a 0, e praticamente garantiu uma vaga nas quartas de final da Copa América do Centenário, colocando os uruguaios na UTI.

O único gol da partida foi marcado por Salomón Rondón, aos 36 minutos, e marcou a primeira vitória da Venezuela sobre o Uruguai em uma Copa América.

A situação do Grupo C será decidida nas próximas horas, no estádio Rose Bowl de Pasadena (Los Angeles), e um empate ou vitória do México sobre a Jamaica elimina o Uruguai e coloca a Venezuela na próxima fase.

Com a vitória no estádio Lincoln Financial Field da Filadelfia, a Venezuela assumiu a liderança provisória da chave, somando seis pontos. O México tem três unidades e Uruguai e Jamaica não pontuaram.

Diante da improvável derrota do México para a Jamaica, o capitão da seleção uruguaia, Diego Godín, se despediu da Copa América dizendo que agora "é pensar nas eliminatórias" para o Mundial da Rússia-2018.

"Não se pode negar o esforço, mas precisamos corrigir as coisas e pensar nas eliminatórias, que é importante para nós. Devemos pensar no Mundial".

"Tínhamos uma ilusão muito grande, estávamos jogando com a esperança do povo, mas não conseguimos. O primeiro tempo foi um pouco fraco, no segundo tentamos mas não conseguimos", declarou um abatido Godín.

Na terceira e última rodada do Grupo C, na segunda-feira, a Venezuela jogará contra o México, em Houston (Texas), e o Uruguai enfrentará a Jamaica no Levís Stadium, em Santa Clara (Califórnia).

- Equipes -

Uruguai: Fernando Muslera - Maximiliano Pereira, José María Giménez, Diego Godín, Gastón Silva - Carlos Sánchez (Nicolás Lodeiro, 78), Egidio Arévalo Ríos, Alvaro González (Matías Corujo, 80), Gastón Ramírez (Diego Rolan, 73) - Edinson Cavani e Christian Stuani. DT: Oscar Tabárez.

Venezuela: Dani Hernández - Roberto Rosales (Alexander González, 8), Wilker Angel, Oswaldo Vizcarrondo, Rolf Feltscher - Alejandro Guerra, Tomás Rincón, Arquímedes Figuera (Rómulo Otero, 78), Adalberto Peñaranda - Josef Martínez e Salomón Rondón (Luis Manuel Seijas, 77). DT: Rafael Dudamel.

ma/lr.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo