Topo

Esporte

França julga 10 pessoas por violência na Eurocopa

13/06/2016 07h47

Marselha, 13 Jun 2016 (AFP) - Dez pessoas serão julgadas nesta segunda-feira em Marselha pelos confrontos violentos que marcaram o entorno da partida Inglaterra-Rússia, mas nenhum dos 150 hooligans russos "extremamente treinados e violentos" que participaram nos atos foi detido, anunciou o procurador da cidade do sul da França.

Vinte pessoas foram detidas desde o início dos incidentes, na quinta-feira da semana passada.

Dez - seis britânicos, um austríaco e três franceses - serão julgados por "violência com arma" contra policiais e outros torcedores, disse o procurador Brice Robin.

A Procuradoria solicitará penas de detenção para todos, proibição de entrada nios estádios para os franceses e exclusões do território para os estrangeiros.

Apesar dos esforços da polícia, que reforçou o esquema de segurança antes da partida, que terminou 1-1 e era considerada uma das potencialmente mais perigosas da Eurocopa, nenhum torcedor russo envolvido nos atos de violência foi detido, admitiu Robin.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte