Esporte

Hungria chama Áustria para valsa e estreia com vitória na Euro

14/06/2016 17h10

Bordéus, França, 14 Jun 2016 (AFP) - A Hungria conquistou a primeira vitória numa Eurocopa desde a edição 1964, derrotando a Áustria por 2 a 0, nesta terça-feira em Bordeaux, na estreia das duas equipes no Grupo F da competição.

Os gols de Adam Szalai, aos 17 minutos de jogo, e Zoltan Stieber, a três minutos do apito final, permitiram aos húngaros dominar a favorita Áustria, obrigada a jogar com dez jogadores, após a expulsão de Aleksandar Dragovic, aos 22 do segundo tempo.

"Trabalhamos duro para isso. Minha equipe está de parabéns, jogou muito bem e foi premiada com um gol fantástico no segundo tempo", vibrou o técnico da Hungria, o alemão Berndt Storkc.

"Os húngaros sabem jogar futebol. Têm paciência e sabem construir o jogo, além de defender muito bem", reconheceu o técnico suíço da equipe austríaca, Marcel Koller.

"Trabalhamos duro para isso. Minha equipe está de parabéns, jogou muito bem

País conhecido por ser o berço da valsa, a Áustria levou um verdadeiro baile na cidade do vinho.

Com 138 confrontos, o clássico entre vizinhos da Europa Central é o segundo duelo de seleções mais disputado do mundo, depois de Argentina-Uruguai, o desta terça-feira foi o primeiro em uma Eurocopa.

- Tabela de cinema -Os austríacos não conseguiram mostrar em campo porque eram considerados favoritos e, apesar de ter dominado a partida no primeiro tempo, acabaram sendo vítimas dos precisos contra-ataques húngaros na segunda etapa.

Szlalai abriu o placar com um golaço, ao se atirar na área para finalizar com o bico da chuteira na sáida do goleiro Almer depois de uma linda tabela com Laszlo Kleinheisler.

O tiro de misericórdia foi dado por Stieber, que encobriu Almer com um toque sutil na conclusão de um contra-ataque legal.

Impressionante nas eliminatórias (nove vitórias e um empate no grupo com Suécia e Rússia), os comandados Koller acabaram pagando caro as chances de gol perdidos no primeiro tempo com o craque da equipe David Alaba.

O jogador do Bayern de Munique acertou a trave logo no primeiro minuto de jogo e em duas oportunidades parou no veterano goleiro Kiraly, jogador mais velho a entrar em campo para disputar a Euro (40 anos).

As duas seleções buscam na França reviver o passado glorioso, entre a era dourada da 'Magia Magyar' da Hungria de Puskas vice-campeã mundial em 1954 e a 'Wunderteam' austríaca da década de 1930.

A Áustria, 10ª colocada no ranking da Fifa e vista como uma possível surpresa na Euro, terá agora que correr atrás do prejuízo para buscar a classificação. Na próxima rodada, o adversário será o Portugal do astro Cristiano Ronaldo.

bnl-mca/tba/am/lg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo