Esporte

Alemanha e Inglaterra enfrentam vizinhos na Euro

15/06/2016 15h46

Paris, 15 Jun 2016 (AFP) - A Eurocopa terá dois clássicos entre vizinhos nesta quinta-feira, com a campeã mundial encarando a Polônia e a Inglaterra tentando somar sua primeira vitória na competição diante do surpreendente País de Gales.

Já a Ucrânia, que mostrou um bom futebol na estreia apesar da derrota por 2 a 0 para a Alemanha, é favorita no duelo com a Irlanda do Norte, vencida por 1 a 0 pelos poloneses.

- Oportunidade de ouro para os galeses - O clássico britânico promete ser explosivo e todo o povo galês sonha com uma vitória histórica, que, além de abrir as portas para as oitavas de final, pode colocar o vizinho numa situação delicada.

O retrospecto é muito favorável à Inglaterra, com 66 vitórias, 21 empates e apenas 14 derrotas em 91 confrontos, mas Bale e companhia estão motivadíssimos para acabar com a 'freguesia'.

Com a vitória da Eslováquia sobre a Rússia, nesta terça-feira, as cartas do grupo B foram redistribuídas, e os ingleses não podem se dar o luxo de mais um tropeço.

Na estreia, em duelo marcado por brigas entre torcedores, dentro e fora do estádio Vélodrome de Marselha, Rooney e companhia deixaram escapar a vitória nos acréscimos e acabaram empatando em 1 a 1 com a Rússia.

A mídia inglesa acusou os gales de ter comemorado esse gol com muita empolgação, o que colocou ainda mais lenha na fogueira antes do choque entre vizinhos que prometia ser quente de qualquer jeito.

"Os ingleses acham que já chegaram lá, mas ainda não fizeram nada ainda", disparou Bale que marcou um golaço de falta na vitória por 2 a 1 sobre a Eslováquia.

O técnico inglês Roy Hodgson fez questão de rebater a provocação do astro do Real Madrid, alegando "falta de respeito". "Sabemos que não gostam de nós. E nós? Não muito", confessou Jack Wilshere, que enfrentará o galês Aaron Ramsey, seu parceiro no meio de campo do Arsenal.

- Tira-teima entre Alemanha e Polônia - No dia 11 de outubro de 2014, em Varsóvia, a Polônia venceu a Alemanha pela primeira vez da sua história, depois de 18 tentativas frustradas, em uma rivalidade que vai muito além do esporte.

As duas seleções ficaram no mesmo grupo nas eliminatórias da Euro e os campeões mundiais deram o troco em casa, com vitória por 3 a 1. Ambas acabaram se classificando, e o sorteio proporcionou um tira-teima de luxo, nesta quinta-feira, no Stade de France.

Para deixar o clássico ainda mais atraente, tanto a Polônia quanto a Alemanha venceram na estreia. Ao derrotar a Irlanda do Norte por 1 a 0 poloneses quebraram mais um tabu histórico, já que foi a primeira vez que iniciam uma Euro com vitória em sete participações.

A Alemanha, por sua vez, fez valer o peso da camisa contra a Ucrânia (2-0), com direito a gol de Bastian Schweinsteiger, que passou praticamente toda a temporada lesionado, mas saiu do banco para anotar o segundo gol da partida, apenas dois minutos depois de entrar em campo.

O duelo também será o reencontro do astro polonês Robert Lewandowski, artilheiro da Bundesliga alemã, com vários dos seus companheiros de clube do Bayern de Munique.

- Irlanda do Norte em apuros - A seleção norte-irlandesa impressionou nas eliminatórias ao terminar em primeiro lugar do seu grupo, deixando para trás Romênia e Hungria, mas decepcionou na estreia.

Contra a Polônia, montou um esquema ultra-defensivo, estacionando o ônibus na frente do seu gol, com o astro Kyle Lafferty isolado lá na frente.

A Ucrânia parece ser um adversário menos complicado, por isso o técnico Michael O'Neill admitiu que "talvez" mude de estratégia ao colocar mais um atacante em campo.

Os ucranianos mostraram um bom futebol apesar da derrota na estreia, jogando de igual para igual com a Alemanha no início da partida, e aposta na velocidade de Yarmolenko e Konoplyanka para fazer a diferença no duelo entre os azarões da chave C.

Programação desta quinta-feira na Eurocopa:

Grupo B: Em Lens (15h00 locais, 10h00 de Brasília): Inglaterra - País de Gales

Grupo C: Em Lyon (18h00 locais, 13h00 de Brasília): Ucrânia -Irlanda do Norte

Grupo C: Em Saint-Denis (21h00 locais, 16h00 de Brasília): Alemanha - Polônia

Prováveis escalações:

Inglaterra: Hart - Walker, Cahill, Smalling, Rose - Alli, Dier, Rooney (cap.) - Lallana, Kane, Sturridge. T: Roy Hodgson

País de Gales: Hennessey (ou Ward) - Chester, A. Williams (cap.), Davies - Gunter, Ramsey, Allen, J. Williams (ou Robson-Kanu), Ledley, Taylor - Bale. T: Chris Coleman

Ucrânia: Pyatov - Fedetskiy, Rakitskiy, Khacheridi, Shevchuk - Yarmolenko, Stepanenko, Kovalenko (ou Sydorchuk), Konoplyanka - Zozulya, Seleznyov. T: Mikhail Fomenko

Irlanda do Norte : McGovern - Cathcart, McAuley, J. Evans - McNair, Davis, Baird, Norwood, Dallas - Ward - Lafferty. T: Michael O'Neill

Alemanha: Neuer - Höwedes, Boateng, Mustafi, Hector - Müller, Khedira, Özil, Kroos, Draxler (o Schweinteiger) - Götze (o Schürrle). T: Joachim Löw.

Polinia: Fabianski (o Boruc)- Piszczek, Glik, Pazdan, Jedrzejczyk - Blaszczykowski, Krychowiak, Maczynski, Kapustka - Milik, Lewandowski. T: Adam Nawalka.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo