Esporte

Messi passa em branco, mas Argentina mantém 100% na Copa América

15/06/2016 01h40

Seattle, Estados Unidos, 15 Jun 2016 (AFP) - O craque argentino Lionel Messi jogou todo o segundo tempo da partida contra a Bolívia sem encontrar o caminho das redes, mas reservas habituais mostraram serviço na primeira etapa para garantir a vitória tranquila por 3 a 0, nesta terça-feira, em Seattle.

Com o triunfo, os 'Hermanos' garantiram o primeira lugar do grupo D da Copa América do Centenário e foram os únicos a fechar a primeira fase com 100% de aproveitamento.

Nas quartas de final, Messi e companhia enfrentarão a surpreendente Venezuela - que eliminou o Uruguai - no próximo sábado, em Foxborough, perto de Boston.

Mais cedo, o Chile garantiu sua vaga ao derrotar o Panamá de virada por 4 a 2, na Filadélfia, e disputará uma espécie de final antecipada contra o México, também no sábado, em Santa Clara.

Em Seattle, o técnico Gerardo 'Tata' Martino resolveu poupar vários titulares, principalmente os jogadores pendurados, como Javier Mascherano ou Nicolas Gaitan.

Messi começou no banco, mas a seleção 'alviceleste' entrou em campo com uma equipe bastante ofensiva, com Lamela e Lavezzi ganhando oportunidade como titulares ao lado da dupla Higuaín-Aguero.

Lamela foi o primeiro a aproveitar, abrindo o placar logo aos 13 minutos de jogo, em cobrança de falta desviada pela barreira.

Dois minutos depois, Lavezzi deixou o dele ao pegar a sobra de um cabeceio a queima-roupa de Higuaín.

O bombardeio continuou e o lateral Victor Cuesta, que jogou no lugar do titular habitual Marcos Rojo, fez 3 a 0 aos 32.

Para a alegria da torcida, Messi entrou no intervalo, no lugar de Higuaín.

Contra o Panamá, ele tinha jogado apenas trinta minutos, mas foi tempo suficiente para marcar três gols na vitória por 5 a 0 dos 'Hermanos'.

Desta vez, o público teve que se contentar com algumas jogadas de efeito, entre elas uma caneta espetacular no goleiro, mas não foi nesta terça-feira que o camisa 10 quebrou o recorde de gols de Gabriel Batistuta com a camisa da seleção argentina.

Messi soma 53, contra 54 de 'Batigol', e terá outra oportunidade no sábado, contra a Venezuela.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo