Esporte

Messi iguala Batistuta e Argentina avança à semi da Copa América com goleada

18/06/2016 23h02

Foxborough, Estados Unidos, 19 Jun 2016 (AFP) - A Argentina garantiu sua vaga nas semifinais da Copa América do Centenário com facilidade ao derrotar a Venezuela por 4 a 1, nesta sábado, em Foxborough, em mais uma noite histórica para Lionel Messi, que igualou o recorde de gols de Gabriel Batistuta com a camisa 'alviceleste'.

Além de anotar seu 54º gol com a camisa da seleção do seu país, o craque do Barcelona ainda deu duas assistências, uma delas com passe genial para Gonzalo Higuaín, que anotou os dois primeiros gols dos 'Hermanos'.

O atacante do Napoli mostrou que não é artilheiro do Campeonato Italiano por acaso, e deixou para trás a frustração da final do ano passado, quando isolou sua cobrança na disputa de pênaltis perdida para o Chile, em Santiago.

A Argentina, que amarga um longo jejum de 23 anos sem títulos, disputará uma vaga na grande decisão na próxima terça-feira, em Houston, contra os anfitriões Estados Unidos, que derrotaram o Equador por 2 a 1 na última quinta-feira, em Seattle.

Apesar da goleada, a Venezuela, deixa competição de cabeça erguida, depois de uma campanha surpreendente na qual derrotou o Uruguai na primeira fase.

A 'Vinotinto' foi valente, mas perdeu sua chance de voltar para o jogo no fim do primeiro tempo, quando a Argentina vencia por 2 a 0 e viu Luis Manuel Seijas perdeu um pênalti ao tentar uma cavadinha.

- Lançamento primoroso -Messi foi titular pela primeira vez nessa Copa América do Centenário, depois de ser poupado na primeira fase por causa de uma lesão na região lombar no fim do mês passado, em amistoso com o Honduras.

O craque tinha entrado no segundo tempo das últimas duas partidas, com direito a três gols marcados em apenas trinta minutos em campo contra o Panamá (5-0).

Desta vez, os fãs que lotaram o Gilette Stadium tiveram 90 minutos de um Messi em grande forma, que mostrou estar totalmente recuperado.

Como vem fazendo nos últimos anos com o clube catalão, o camisa 10 voltou bastante para buscar o jogo, atuando na muitas vezes longe da área para armas as jogadas.

Foi assim que saiu o primeiro gol, em lançamento primoroso de que passou por cima da defesa e chegou à feição para Higuaín, que se jogou na área para finalizar de primeira para as redes.

A Argentina poderia ter ampliado aos 22, quando Arquímedes Figuera derrubou Messi na área, mas o juiz não deu pênalti.

Figuera acabou sendo castigado cinco minutos depois, quando tentou sair jogando com Angel, mas deu a bola de graça para Higuaín, que não perdoou. O camisa 9 invadiu a área, driblou o goleiro e deixou a Argentina uma situação confortável.

- Romero heróico -Tanto que os 'Hermanos' relaxaram e no fim do primeiro tempo e só conseguiram chegar ao intervalo com o placar de 2 a 0 porque o goleiro Romero fez defesas milagrosas.

A primeira foi aos 34, numa bomba da entrada da área de Rondón, que cabeceou na trave cinco minutos depois.

A defesa mais espetacular foi aos 40, quando voou para espalmar um chute desviado de Feltscher que vinha entrando por cobertura.

O goleiro quase foi de herói a vilão aos 42, ao cometer pênalti em Josef Martínez. Mas Seijas teve a péssima ideia de tentar uma cavadinha, mas Romero, que não foi na dele permaneceu no meio do gol, agarrando a bola sem a menos dificuldade.

Era a grande chance da Venezuela mudar a cara do jogo, e não se pode desperdiçar uma oportunidade dessas contra um adversário que tem com craque como Messi.

O gol histórico do camisa 10 saiu aos 15 da segunda etapa, numa linda tabela com Gaitán, que não poderá disputar a semifinal contra os Estados Unidos por ter que cumprir suspensão por acúmulo de cartões amarelos.

Rondón enfim conseguiu colocar a bola para dentro ao cabecear para as redes ao 25, mas Messi.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo