Esporte

Gol contra classifica País de Gales às quartas da Euro

25/06/2016 18h21

Paris, 25 Jun 2016 (AFP) - A maioria da população do País de Gales votou a favor do Brexit, mas Gareth Bale e companhia mostraram que não querem saber de ficar fora da Eurocopa ao vencer por 1 a 0 o clássico britânico com a Irlanda do Norte, neste sábado, no Parque dos Príncipes.

Empurrada por uma torcida animada que cantou o hit 'Will Grigg?s on fire' até o fim, a seleção irlandesa foi valente, mas foi eliminada por causa de um gol contra marcado aos 30 minutos do segundo tempo pelo zagueiro Gareth McAuley, que desviou para as próprias redes um cruzamento do 'xará' Bale.

"Estou arrasado que todo mundo tenha que volta para casa. Fizemos um torneio fantástico, curtimos demais", declarou McAuley depois da partida.

"Não merecemos esse resultado. Foi um jogo equilibrado e acho que jogamos melhor como equipe. Ficamos muito perto das quartas. Conseguimos parar Ramsey e não demos espaços a Bale, mas não foi suficiente", lamentou o técnico norte-irlandês Michael O?Neill.

"Sabíamos que seria complicado. Eles deixaram o jogo complicado. A ideia era manter a posse de bola para criar chances em uma jogada de qualidade. Marcamos um gol, é suficiente", comentou Bale.

"Foi ainda mais difícil do que o previsto. Ontem, disse que seria a mesma coisa enfrentear a Turquia ou a Irlanda do Norte, mas é verdade que é sempre complicado enfrentar outras seleções britânicas", analisou o técnico galês Chris Coleman.

A única vez em que a seleção galesa chegou nas quartas de final de um grande torneio foi na Copa do Mundo de 1958, na Suécia, quando foi eliminado nessa altura da competição pelo Brasil (1-0), com golaço de Pelé, o primeiro do Rei em Mundiais.

Na próxima sexta-feira, os galeses disputarão uma vaga nas semifinais em Lille, contra o vencedor do duelo entre Hungria e Bélgica, que se enfrentam no domingo, em Toulouse.

- Pressão norte-irlandesa -Como era esperado, o duelo 100% britânico foi muito disputado, e os 'Dragões' tiveram muita dificuldade para encontrar brechas na retranca norte-irlandesa.

A Irlanda do Norte mostrou muita disciplina tática e um ótimo entrosamento, criando inclusive a melhor chance do primeiro tempo.

Aos 11 minutos de jogo, Ward pressionou a saída de bola galesa e Dallas perdeu o duelo cara a cara com o goleiro.

No segundo tempo, os norte-irlandeses ganharam confiança e chegaram até a ter um pouco mais de iniciativa.

Do lado galês, Bale era totalmente asfixiado, com marcação ferrenha, às vezes ríspida demais.

Derrubar craque do Real é brincar com o fogo, dependendo do lugar no campo. Aos 12, o ídolo galês quase marcou seu terceiro gol de falta na competição, o quarto no total, mas o goleiro McGovern fez uma grande defesa.

- Grigg ignorado -A Irlanda do Norte conseguiu resistir por muito tempo, mas o cansaço e as limitações técnicas falaram mais alto.

Aos 30, Bale avançou pela esquerda e cruzou forte, rasteiro, na direção de Robson-Kanu, que acabava de entrar. McAuley tentou cortar, mas se deu mal e mandou a bola para as próprias redes.

O zagueiro do West Bromwich não é o único a sair frustrado dessa Euro.

Ídolo da torcida, Will Grigg, que contribuiu para a popularidade da seleção norte-irlandesa com a música em sua homenagem que virou febre no mundo inteiro, não jogou um minuto sequer nessa Euro.

"Ele era o nosso quarto atacante, tem um bom futuro pela frente, mas eu não faço minha escalação em cima das músicas sobre os jogadores", justificou O?Neill.

Por mais que Grigg esteja "pegando fogo", como diz o hino, a vaga ficou com os Dragões do País de Gales.

cd-cda/jcp/lg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo